A CCR decidiu pela descontinuidade do Projeto Nasp (Novo Aeroporto de São Paulo), na região metropolitana da capital paulista.

O fato relevante foi feito pela companhia (BOV:BEEF3) nesta terça-feira (18).

Em fevereiro de 2016, a Companhia de Participações em Concessões (CPC), controlada da CCR, celebrou contrato na condição de compromissária compradora para aquisição de um terreno situado nos municípios de Cajamar e Caieiras pelo valor total de R$ 387,4 milhões.

O objetivo seria construir na área o terceiro aeroporto da região metropolitana de São Paulo.

O contrato previa que, no prazo de 7 anos, a CPC deveria confirmar a implantação do novo aeroporto, sob pena de devolução parcial do terreno, prazo que se encerrou em fevereiro de 2023.

“Em face da não aprovação de regulamentação que permitisse a efetiva implantação do aeroporto comercial privado no período, bem como diante do contexto de mercado e contratual, decidiu-se pela descontinuidade do Projeto Nasp”, afirmou a CCR em um fato relevante nesta terça-feira.

De acordo com o comunicado, a Sociedade de Participações em Concessões Privadas, subsidiária integral da CCR e atual detentora do terreno, após tratativas com a Space Empreendimentos Imobiliários e o grupo Melhoramentos e em cumprimento à obrigação contratual, notificou, a Space para devolução de 29,76% da área total do terreno, conforme previsão contratual original.

A CCR reforçou que a descontinuidade do Projeto do Nasp “faz parte de sua estratégia contínua de crescimento qualificado e alocação racional de capital e segue atenta às oportunidades de valorização da parte remanescente do terreno”.

Informações FinanceNews
MINERVA ON (BOV:BEEF3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mar 2024 até Abr 2024 Click aqui para mais gráficos MINERVA ON.
MINERVA ON (BOV:BEEF3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Abr 2023 até Abr 2024 Click aqui para mais gráficos MINERVA ON.