Índice

Criar Discussão

Atualizar

Usuários Filtrados

Usuários Banidos

Meus Alertas

Meu Perfil

Busca

Regras

Inepar Finalizando Seu Turnaround - De Pré-Falida À Referência Em Infraestrutura (INEP4)

abdonjunior
  • Dono
  • 1958
  • 04/01/2009

Moderador: cuiuta, Fox_Mulder, RenatoSPFC, caique, dpgimenez, CristianoConrado, KIMEZ, vagsoli, Ourobouros, cleftaz, abdonjunior

 

http://www.inepar.com.br/pdf/Comite_Relacoes_Abr2012.pdf

 

INEPAR FECHA CONTRATO DE R$ 1,5 BILHÃO COM A PETROBRÁS, PODENDO CHEGAR A R$ MAIS DE R$ 1,8 BILHÃO

http://exame.abril.com.br/negocios/empresas/industria/noticias/controlada-da-inepar-fechara-contrato-de-ate-us-911-milhoes

 

INEPAR FAZ ACORDO PARA PAGAMENTO DE DEBENTURISTAS, ELIMINANDO TODAS AS DÍVIDAS DEFAULTADAS DA EMPRESA

http://www.inepar.com.br/pdf/agd_emissao2012.pdf

 

INEPAR RECEBE 50% DO ESTALEIRO ISHIBRÁS E PARTICIPAÇÃO NA TIISA EM TROCA DE TÍTULOS DA DÍVIDA PÚBLICA

http://www.valor.com.br/empresas/2603128/inepar-troca-r-658-milhoes-em-titulos-por-ativos-da-controladora

 

INEPAR ASSINA PARCERIA COM A HITACHI, LÍDER MUNDIAL NA ÁREA METRO-FERROVIÁRIA

http://www.araraquara.com/noticias/economia/2011/08/11/iesa-hitachi-inicia-prod ucao-de-monotrilhos-em-2012.html

 

INEPAR ASSINA DUAS ETAPAS DO ACORDO COM O BNDES, REESTRUTURANDO DÍVIDAS DE R$ 166 MILHÕES E DE R$ 141 MILHÕES (QUE SERÁ ABATIDA PARA APENAS R$ 100 MILHÕES)

http://www.valoronline.com.br/online/empresas/44/411885/inepar-assina-contrato- para-pagar-divida-de-r-166-milhoes-com-bndes

 

INEPAR ADERE AO N1 DE NÍVEL DE GOVERNANÇA DA BOVESPA

http://www.bmfbovespa.com.br/pt-br/mercados/acoes/empresas/FormConsultaDetalheP lantaoNot.asp?Data=30/03/2011&Sequencia=1965

 

 

APRESENTAÇÃO INICIAL DA OPORTUNIDADE PARA NOVOS INVESTIDORES:

 

INEPAR (INEP3 e INEP4) é uma holding que engloba algumas das principais empresas do Brasil, sendo as principais:

 - IESA ÓLEO E GÁS: É uma das mais importantes empresas brasileiras de engenharia, construção e montagem, com forte e sólida atuação no mercado de petróleo e gás. É umas das principais fornecedoras da Petrobrás, sendo a única que é AAA (triplo A). É reconhecida pela excelência na prestação de serviços e pela qualidade profissional diferenciada. Irá se beneficiar muito dos investimentos no pré-sal, inclusive com retorno muito mais rápido do que a própria Petrobrás, pois ela que fornecerá os equipamentos e plataformas necessárias pra começar a exploração do petróleo. Dos USD$ 175 bilhões de investimentos da Petrobrás no pré-sal, a IESA vai participar (com chances significativas de vencer) da licitação de UD$ 75 bilhões! IESA tem, reconhecidamente, o mais amplo e equipado parque industrial da América Latina. É a principal empresa da INEPAR, respondendo por 2/3 da carteira de pedidos da holding.

VEJA ALGUMAS OBRAS DA IESA: http://www.youtube.com/watch?v=Mo9rtUxYyz0

- ANDRITZ HYDRO-INEPAR: Join venture entre a Andritz Hydro, multinacional austríaca, e a INEPAR. É referência mundial em geração de energia. Seu parque industrial em Araraquara-SP é reconhecidamente o mais moderno, amplo e bem equipado parque industrial da América Latina. É uma das maiores fábricas do mundo de geradores, turbinas hidráulicas, hidromecânicos e demais eqiupamentos associados. Irá se beneficiar muito com a construção de novas hidrelétricas, incluindo Belo Monte.

- TIISA: Parceria entre a empresa Triunfo e a IESA/INEPAR, é responsável por várias obras de infra-estrutura, desde saneamento básico até a área metro-ferroviária. Apresenta crescimento vertiginoso na sua carteira de pedidos, que subirá muito mais nos próximos anos, devido a participação da empresa nos investimentos do país em infra-estrutura, Copa 2014, Olimpíadas 2016, trem-bala, etc.

- INEPAR - HITACHI: Parceria entre a IESA Projetos, empresa coligada da Inepar, e a Hitachi, multi-nacional japonesa que é líder mundial na área metro-ferroviária, sendo a maior fábrica de trens de transporte de massa e de monotrilhos do mundo. A parceria visa a construção de trens de monotrilhos, trens urbanos e interurbanos a partir de 2012, com foco nos mercados nacional e latino-americano. O Governo de São Paulo estimulou e participou da formação da parceria, tendo divulgado que há uma enorme demanda no Estado para estes serviços.

- INEPAR - INOVATECH: A Inepar adquiriu todos os direitos e patentes da tecnologia inovadora da empresa Innovida. Trata-se de uma tecnologia de construção rápida e de baixo custo, que usa um material especial pré-fabricado. É considerado um grande avanço em construção civil, cujo setor tem uma demanda crescente no nosso país. Contatos estão sendo feitos para a construção de casas para o Programa Minha Casa, Minha Vida, além de outros projetos de habitações. Estes produtos serão realizados em uma fábrica nova da Inepar instalada em Curitiba-PR.

 

INEPAR era uma blue chip na Bovespa na década de 90. Porém, com algumas apostas equivocadas (Projeto Iridium) e alguns passos maiores que a perna, a empresa caiu bastante, chegando a uma situação delicadíssima no início dos anos 2000, quase indo à falência. A partir dos anos de 2003 e 2004, foi iniciado na empresa um dos maiores turnarounds da história deste país. A empresa continuou investindo em qualidade e excelência na prestação dos serviços, a medida que começou a diminuir sua dívida. A dívida da empresa era de R$ 4 bilhões, hoje está em R$ 1 bilhão, e após o acordo com o BNDES pode cair pra R$ 500 milhões. Após anos dando prejuízos seguidos, em 2008 a INEPAR começa a colher frutos do processo de reestruturação, surpreendendo a todos com um resultado anual com lucro de mais de R$ 80 milhões. No ano de 2009 este turnaround continua a passos largos e a empresa organiza melhor a dívida, aumenta vertiginosamente sua carteira de pedidos, assim como faz um split na cotação. Fecha o ano com um lucro de mais de R$ 50 milhões. Em 2010, a INEPAR investe muito em RI, elaborando novos sites de muita qualidade e um novo site para RI. Empresa segue avançando no processo de melhora do nível de governança, fecha novos contratos bilionários, e discute a entrada de fundos de investimentos em IESA. Em 2011 a empresa adere ao N1 de Nível de Governança, e está prestes a finalizar seu acordo com o BNDES (2 partes já concluídas), que vai reduzir a dívida líquida da empresa pela metade. A Inepar também contratou a MZ pra melhora de marketing e de nível de governança da empresa. A Inepar tem perspectivas fantásticas no novo processo de infra-estrutura que o país está inserido (pré-sal, novas hidrelétricas, Copa 2014, Olimpíadas 2016, trem-bala, monotrilhos...) e assim começa a despertar o interesse de investidores estrangeiros. Apresenta uma carteira de pedidos de R$ 5 bilhões, a dívida da empresa vem melhorando balanço a balanço, e a empresa caminha a passos firmes rumo ao Novo Mercado. Porém apesar de tudo isso, estas empresas todas hoje valem absurdos R$ 200 milhões em valor de mercado na Bolsa de Valores. Isto se dá única e exclusivamente por uma miopia do mercado, que ainda não enxergou/entendeu o contexto do turnaround da empresa, e assim dá a oportunidade de comprarmos as ações de INEPAR por preço de empresa falida. O investidor inteligente se antecipa ao mercado e enxerga o que a empresa será após a conclusão do turnaround. Com isso, temos uma pespectiva de multiplicarmos nosso investimento em 6 a 10 vezes em alguns meses/anos. Estudem a fundo esta oportunidade.

 

  

SITES DA EMPRESA:

www.inepar.com.br; www.iesa.com.br; www.andritz-hydro.com.br; www.tiisa.com.br; www.quip.com.br; http://www.utgca.com.br/index.asp

 

Análise do case por Abdon Junior:

OBS.: Para ler vários textos muito interessantes dos sócios/colegas de fórum sobre INEPAR, acesse nosso blog (http://bloginepar.blogspot.com).

Por que investir em INEP4?

Sempre é bom recaptularmos e resumirmos o porque acreditamos que INEPAR é uma das melhores oportunidade atualmente em bolsa de valores, o porque acreditamos que INEPAR seja uma das últimas oportunidades de se multiplicar por várias vezes seu patrimônio em bolsa de valores. Vou apresentar os 10 melhores argumentos da oportunidade chamada INEPAR:

- ANÁLISE FUNDAMENTALISTA: INEPAR é uma ação muito atrativa na análise fundamentalista. Está simplesmente cotada muito abaixo do seu VPA (que é de R$ 6). As outras empresas do setor estão com os múltiplos muito mais caros: Lupatech está sendo negociada a 3 vezes seu VPA, e a OSX está sendo negociada a 2 vezes seu VPA. O P/L da INEPAR é de 12, enquanto os da Lupatech e OSX são negativos pois estão operando com prejuízo ao invés de lucro. A INEPAR tem um LPA de 0,25 enquanto os LPA de Lupatech e OSX (empresa ainda pré-operacional) estão simplesmente negativos. Mesmo com múltiplos fundamentalistas bem menos atrativos, a OSX está valendo simplesmente 14 vezes o valor de mercado de Inepar. Não é preciso ser nenhum especialista pra saber qual ação do setor está barata e quais estão caras.

- LUCROS/EBITDA: A INEPAR, após anos tendo prejuízos, surpreendeu o mercado em 2008 apresentando um lucro de mais de R$ 80 milhões. Em 2010 o lucro da empresa foi de R$ 44 milhões. Obviamente que as margens ainda não são as melhores, e que juros altos das dívidas da empresa acabam diminuindo esse lucro, mas com melhora das margens e principalmente a renegociação de toda a dívida da empresa, esses lucros vão aumentar consideravelmente. A prova disso é a evolução do EBIT. Em 2010 o EBIT da empresa foi de R$ 135 milhões. Esse EBIT foi reflexo da carteira de pedidos assinados em 2007 e 2008, quando esta carteira girava em torno de R$ 2 bilhões. Com uma carteira de pedidos em torno de R$ 5 bilhões desde 2009, o EBIT potencial da empresa pra 2011 é de R$ 150 milhões e pra 2012 é de R$ 250 milhões. Com um EBITDA de R$ 250 milhões pós-finalização do turnaround, o EV justo da Inepar será de R$ 2,5 bilhões. Tirando uma dívida de R$ 500 milhões pós-finalização do turnaround, o preço justo de mercado da empresa será de R$ 2 bilhões, o que faria com que o preço-justo da ação fosse R$ 21,00.

- PERSPECTIVAS: A INEPAR está muito bem posicionada em todos os setores de infra-estrutura (óleo e gás, geração de energia, área metro-ferroviária, saneamento básico, etc.). O setor de infra-estrutura será de longe o que mais vai movimentar dinheiro no país nos próximos anos. Em todas as áreas do setor serão investidos mais de R$ 1 trilhão até 2020. Só na área de óleo e gás serão investidos R$ 650 bilhões nos próximos anos. E a INEPAR está estruturada e preparada pra oferecer estes serviços e assim abocanhar parte deste dinheiro investido. A IESA é peça fundamental para os avanços da Petrobrás, principalmente na área do pré-sal. A TIISA está sendo cada vez mais requisitada e a ANDRITZ-INEPAR está organizada para ter um crescimento vertiginoso nos próximos anos. E a nova parceria com a Hitachi traz mais uma extraordinária perspectiva pra Inepar, com o investimento na área metro-ferroviária, o que inclui monotrilhos, trens interurbanos e o trem-bala. Enfim, a INEPAR está no coração do setor onde vai rolar muito dinheiro nos próximos anos.

- IESA: Mais qualificada empresa de engenharia estrutural do país, fornecedora triplo A da Petrobrás, dona do maior e mais equipado parque industrial da América Latina, reconhecida pela excelência na prestação de serviços, a IESA é a jóia da coroa da INEPAR. Tem sozinha uma carteira de pedidos de aproximadamente R$ 3,5 bilhões, e segundo estimativas realistas, poderia, sozinha, valer mais de R$ 2 bilhões.

- CARTEIRA DE PEDIDOS: Em 2006 a carteira de pedidos da empresa era de R$ 1,3 bilhão. Atualmente é de R$ 5 bilhões. É dinheiro demais pra uma empresa que está valendo ridículos R$ 200 milhões. Geralmente as empresas valem 0,8 a 1 vez sua carteira de pedidos. Algumas empresas valem mais que a sua carteira de pedidos (vide OSX). Se a INEPAR valesse, muito conservadoramente, 0,5 vezes sua carteira de pedidos, ela estaria valendo hoje R$ 2,5 bilhões e sua ação estaria valendo R$ 25,00.

- REESTRUTURAÇÃO DA DÍVIDA: A dívida da INEPAR já foi de R$ 4 bilhões. Até há 4 anos era de R$ 2 bilhões. Hoje é de aproximadamente R$ 1 bilhão. A dívida ainda é alta, mas já foi muito maior. Ela ainda corrói bastante os lucros, mas já foi pior. O importante é que a dívida está sendo reestruturada ano a ano. Mas a empresa sabe que para potencializar mais ainda seus lucros, tem que reestruturar totalmente esta dívida. E é isso que vem sendo feito pela direção da empresa. A INEPAR aderiu ao REFIS, o que vai fazer com que seja parcelado, a perder de vista, quase R$ 200 milhões deste montante da dívida. A INEPAR trocou, por ações, debêntures antigas que faziam a empresa ter que pagar, de juros, milhões de reais mensalmente, e agora não precisa mais. E está para ser concluído o acordo com o BNDES (a primeira e a segunda fases do acordo já foram assinadas), que vai ficar com a parte da INEPAR na CEMAT, abatendo mais de R$ 400 milhões da dívida e os outros R$ 300 milhões da dívida com o banco serão renegociados, inclusive com troca de parte da dívida por ações. Ou seja, o BNDES também terá grande interesse na valorização da ação. A expectativa é que até o final deste ano, a dívida de INEPAR, que já foi de bilhões, seja de apenas R$ 500 milhões. Sabendo desta reestruturação, o investidor tem que se antecipar e comprar agora, pois quando a dívida estiver nestes valores, a ação já vai estar na casa dos R$ 15,00.

 - BNDES/CEMAT: O restante do acordo completo com o BNDES será finalizado e divulgado nos próximos meses (no máximo até o final do ano, segundo a empresa). Simplesmente, com esse acordo, R$ 700 milhões (mais de dois terços) da dívida da empresa serão abatidos/negociados. É, na opinião de muitos, o maior driver do case! Na história recente da Bovespa, todos os casos de renegociações importantes de dívidas foram seguidos com apreciação importante da cotação das empresas. A Hering só deslanchou seu turnaround e iniciou sua subida vertiginosa de 1300% após uma renegociação de R$ 400 milhões com o BNDES.

- NÍVEL DE GOVERNANÇA: Muitos fundos e grandes investidores só investem em empresas que têm nível de governança. A empresa acabou de anunciar sua adesão ao N1 de Governança, que já está em vigor agora. Por várias vezes, INEPAR já declarou sua intenção de entrar no Novo Mercado. Com a entrada no N1, os grandes fundos (que estão ávidos para investir na estrutura do pré-sal) devem passar a entrar forte na empresa. Além da mensagem de melhoras na transparência e na relação com o mercado.

- MARKETING: Uma das principais causas de INEP4 estar neste valor ridículo é o fato do mercado ser absolutamente analfabeto em relação à empresa e ao case. Não há marketing, não há propaganda, não há divulgações sobre a empresa. Poucas pessoas já ouviram falar em INEPAR, e as que já ouviram não conhecem o case e o turnaround que a empresa está vivendo. Poucos conseguem compreender o seu balanço também. Por tudo isso, o mercado ainda não percebeu a oportunidade. Mas isso está prestes a mudar. Pra isso a empresa contratou recentemente os serviços da MZ, empresa top na questão de marketing e governança empresarial. A MZ, entre vários outros clientes, trabalha para a Petrobrás e para a Vale. A MZ está contratada para construir os sites da INEPAR, fazer seus balanços, cuidar da governança coorporativa e promover a imagem da empresa. Inclusive, a empresa fará um MD&A da INEPAR em breve. A partir do início do trabalho da MZ, INEPAR passará a ser conhecida por muitos, e sua imagem será outra para o mercado. Com isso, a valorização de suas ações será maior e mais rápida.

- IPO / PRIVATE EQUITY DA IESA: A direção da empresa tem dito que pra atender a demanda exorbitante de infra-estrutura dos próximos anos, a INEPAR/IESA terá que se capitalizar, e pra isso estão estudando a melhor forma de realizar esta capitalização, seja com IPO da IESA, seja com Private Equity, com entrada de investidor estratégico na empresa. O IPO ou PE da IESA trariam uma valorização vertiginosa e rápida do investimento de quem tem INEP4, pois teríamos a jóia da coroa (a IESA), sem dívidas, com uma grande carteira de pedidos, com um marketing eficiente, e sem ligação ao passado, pronta pra valer, sozinha, mais de R$ 2 bilhões no mercado.

E ainda há mais motivos pra se comprar INEPAR. Mas estas são as principais razões de estarmos 100% em INEPAR. Como vemos, sobram motivos pra acreditarmos que INEP4 é a melhor aposta para curto/médio/longo prazo na bolsa. São muitas novidades acontecendo, muitos drivers na boca do forno, e perspectivas extraordinárias. É ação pra se tornar milionário! Quando o turnaround for concluído, os drivers saírem e o mercado enxergar a oportunidade, a ação se multiplicará várias vezes. Só fica milionário em bolsa de valores quem enxerga as oportunidades antes do mercado. Neste momento a ação está extraordinariamente barata pro que ela deve valer nos próximos 6 meses! Vai ganhar muito dinheiro quem comprar agora!

 

 

 
REGRAS DO FÓRUM:

Este fórum é um espaço democrático pra ser frequentado por todos os sócios de INEP 3 e 4, e por pessoas que tenham interesse em conhecer e discutir a ação/empresa. Porém, pra organização do fórum e pra que os objetivos do mesmo sejam atingidos, é proibido:

1) Falar de qualquer outra ação sem INEPAR estar contextualizada: Penalização de moderação + banimento
2) Qualquer propaganda de ação, site, corretora, software, etc.: Penalização de moderação + banimento
3) Boatos sem fontes: Penalização de moderação + advertência
4) Análises contrárias a empresa baseadas em informações inverídicas/boatos: Penalização de moderação + advertência
5) Terroristas de plantão: Penalização de moderação + banimento
6) Vendidos em pele de comprados tentando comprar mais barato: Penalização de moderação + advertência

OBS.: Os usuários antigos do fórum, que ajudaram a construir o mesmo e colaboram sempre na qualidade deste espaço, terão tratamento diferenciado em relação a banimentos. Eles não serão banidos diretamente. Só o serão se houver reincidência após advertência.

 

Usuários on line    



 



  • 10 Set 2011, 17:56
  • 23 Jul 2012, 22:10
  • Tweet
Ativos Discutidos
BOV:INEP4 8.51 2.5%
BOV:INEP3 8.20 0.0%
Seu Histórico Recente
BOV
INEP4
Inepar
Registre-se agora para acompanhar essas ações ao vivo no Monitor ADVFN.

O Monitor permite ver até 110 de suas ações favoritas de uma vez só e é completamente grátis para você usar.

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

P: V: D:20191019 18:29:01