BBAS3 - O que esperar após a forte queda de ontem

LinkedIn

As ações ordinárias do Banco do Brasil (BOV:BBAS3), em apenas 02 dias desta semana  retornaram as cotações inferiores aos patamares do início da semana passada, quando chegaram a subir 25,21 %.

 

Somente no pregão de ontem desvalorizaram  21,17%

 

No gráfico diário(figura no final do artigo), podemos observar  que a ação já abriu abaixo de sua  MME400 (Média Móvel Exponencial de 400 dias) em  20,56  e continuaram a queda até encontrar a MMA200 (Média Móvel Aritmética de 200 dias)  17,50, se repararmos, no dia 07 de março ela chegou a tocar a MMA200, mas não teve força vendedora para rompe-la e assim possivelmente fechar o gap de alta do dia 04.

 

Talvez as cotações consigam mais uma vez “se segurar” nesses patamares ( 17,45 / R 17,50)  e consigam se recuperar, chegando ao menos aos 19,30.

 

Feitas as devidas observações vamos ao nosso “mapa de operações”:

 

TRADES DE MÉDIO PRAZO (DE 2 A 10 DIAS)

 

VENDA

Podemos pensar em vendas caso perca os 17,45. Neste caso, em minha opinião, não é necessário usar um estope tão distante como via de regra (máxima de ontem). Acredito que o estope posicionado em 19,30 é o suficiente. Não é uma relação risco/retorno que me deixa confortável, mas é uma possibilidade a ser analisada.

 

Objetivos:

16,80

16,55

16,40

16,07

15,65

 

COMPRA

Existe a possibilidade de lateralizarão numa faixa que pode variar de 17,50 e 19,30 por vários dias  (situação interessante para operações de day trade). Indicações gráficas consistentes de compra poderão aparecer caso os valores rompam a região os 19,85/20,00

 

DAY TRADE (CURTISSIMO PRAZO COMPRA/VENDA NO MESMO DIA)

 

PRINCIPAIS RESISTÊNCIAS:

17,85

17,95 /18,00

18,21

18,36

19,16

19,30

19,85

 

PRINCIPAIS SUPORTES

17,45

16,80

16,56

16,38

16,07

BBAS3-COLUNA1603

Minhas opiniões e análises aqui mostradas, dizem respeito a minha visão do mercado e as minhas tomadas de decisão e NÃO SÃO INDICAÇÃO DE COMPRA E OU VENDA.

Deixe um comentário