Mercados globais e relatório de inflação

LinkedIn

Mercados Globais

Mercados asiáticos fecharam em alta, enquanto bolsas europeias e futuros dos EUA caem.

Na China, Xangai operou em alta na maior parte do dia mas reverteu para queda de 0,28%, impactando também em Hong Kong (-0,08%). O regulador do mercado chines determinou que os bancos comerciais investiguem empréstimos feitos para um grupo de companhias que investiu agressivamente no exterior. Asia Dow (+0,55%).

Nos Eua, o indicador do dia foi pedidos iniciais por seguro-desemprego, que registrou leve aumento de 3.000 pedidos para 241.000.  O que é um sinal ruim para o mercado de trabalho, além de aumentar as despesas do governo.  Dow Jones F (-0,05%), S&P F (-0,07%) e Nasdaq F (-0,03%). O Dólar index tem queda de 0,03% e a treasury de 10 anos também cai.

Europa tem o seu terceiro dia de queda, com impacto negativo de bancos e empresas que participam do setor de energia. Já as mineradoras encerram as quedas recentes, mesmo com o minério de ferro 62%, no porto de Qingdao, em queda de 0,51% (US$ 56,53 a tonelada seca). O Banco Central Europeu divulgou o seu relatório mensal. Quanto à política monetária, decidiu por manter sua decisão de continuar sua acomodação monetária em um nível bastante substancial, para assegurar o retorno da inflação ao nível previamente estabelecido — abaixo mas próximo de 2%. A inflação na Zona do Euro esta se distanciando da meta, e caso isso continua, o Comitê deve deixar o programa mais robusto, em termos de tamanho e duração. Destaque para: Stoxx 600 (-0,25%), Milão (-0,75%), Londres (-0,33%) e Paris (-0,25%).

O petróleo da uma realizada nas perdas, com leve alta de 0,35% para o WTI e 0,61% para o Brent 2018. Ontem o petróleo inverteu a alta, por conta do aumento da oferta, diante da crescente produção americana de petróleo bruto.

 

Brasil

 

Mercado abre em alta. O Banco Central do Brasil divulgou o relatório de inflação, notando o movimento favorável de desinflação. O BC projeta inflação em torno de 3,8% em 2017 e de 4,5% em 2018.

 

BC também prevê PIB de quase 2 dígitos no agronegócio, de 6,4% no ano para 9,6%. No entanto, é claro que impacto do agronegócio se concentrou no primeiro trimestre.

Quanto ao cambio, BC oferta até 8.200 contratos (US$ 410 milhões) de swap cambial para rolagem dos vencimentos de julho de 2017. Dólar permanece próximo da estabilidade.

Deixe um comentário