Bom dia, Investidor! 08 de março de 2018

LinkedIn

Esse é o Bom Dia, Investidor, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir! 

Para saber o que aconteceu ontem após o fechamento do mercado, confira o nosso Boa noite, Investidor!

Pré Market 

O mundo vivencia um momento sincronizado, com recuperação das principais economias desenvolvidas e fortalecimento dos países emergentes, mas o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, está pronto para estragar a festa, impondo restrições ao comércio global. O anúncio da tarifação do aço e do alumínio deve ser feito hoje, excluindo inicialmente Canadá e México, e os números da balança comercial chinesa tendem a servir de combustível para a retórica protecionista de Trump.

As exportações da China deram um salto de 44,5% em fevereiro em relação a um ano antes, sendo que as vendas de produtos chineses aos EUA dispararam 46,1%. Já as importações chinesas desaceleram a 6,3%, no mesmo período, o que gerou um superávit comercial para o país de US$ 33,7 bilhões. Apenas as exportações de alumínio subiram ao maior nível em três anos, ao passo que as de aço caíram 27%, pela primeira vez em dois meses.

Apesar de distorcidos por causa das comemorações do Ano Novo Lunar no início do ano, os dados divulgados na China se contrastam com os da balança comercial norte-americana conhecidos ontem. O déficit comercial dos EUA atingiu o pior resultado em nove anos, com um saldo negativo de US$ 56,6 bilhões em janeiro e os números sugerem que as exportações norte-americanas seguem sendo um obstáculo ao crescimento econômico.

Diante dessa natureza desigual no comércio, Trump vem pressionando a China a apresentar um plano para reduzir o déficit comercial com os EUA em pelo menos US$ 1 bilhão. Em janeiro, o volume de comércio entre as duas maiores economias do mundo ficou em quase US$ 36 bilhões, favorável a Pequim. Só que essa conta está longe de ser negativa a Washington.

Leia: Pré-Market: A guerra de Trump

Destaques Corporativos 

Cemig (CMIG4): A Cemig anunciou nesta quinta-feira (8) que o seu Conselho de Administação elegeu Maurício Fernandes Leonardo Júnior para o cargo de Diretor de Finanças e Relações com Investidores; e para o cargo de Diretor de Desenvolvimento de Negócios, foi eleito Daniel Faria Costa.

Multiplus (MPLU3): A Multiplus anunciou na noite desta quarta-feira (7), após o fechamento do mercado, que irá pagar dividendos no valor total de R$ 109.207.988,95, correspondente a R$0,67 por ação. O pagamento está previsto para acontecer a partir do dia 03 de abril.

B2W (BTOW3): A B2W, em parceria com a Lojas Americanas, anunciou a criação da IF (Inovação e Futuro). A empresa atenderá às companhias com o objetivo de “pensar e nutrir boas ideias, permitindo a continuidade dos negócios e uma, ainda maior, criação de valor”.

Lojas Americanas (LAME4): No quarto trimestre de 2017, a Lojas Americanas reportou lucro líquido de R$ 284,7 milhões — uma alta de 11,4% em relação ao mesmo período de 2016.

Azul (AZUL4): A Azul Linhas Aéreas anunciou lucro líquido de R$ 303,7 milhões no quarto trimestre de 2017.

Embraer (EMBR3): Durante o quarto trimestre de 2017, a Embraer apresentou lucro líquido de R$ 117,2 milhões.

Recomendações de Ativos 

SLC Agrícola (SLCE3): Após os resultados do quarto trimestre, os analistas do BTG Pactual optaram por colocar a recomendação do ativo em revisão.

Banco do Brasil (BBAS3): O banco Morgan Stanley praticamente dobrou o alvo do papel do Banco do Brasil, passando de R$ 26 para R$ 50.

Lojas Americanas (LAME4): O BTG Pactual optou por manter a recomendação de compra no papel, com preço-alvo em R$ 20.

Eneva (ENEV3): O Bradesco BBI iniciou a cobertura do ativo com recomendação outperform e preço alvo de R$ 17.

B2W (BTOW3): O BTG Pactual reiterou a recomendação de compra para o ativo, com preço-alvo de R$ 29.

Notícias

Commodities / Minério de Ferro – Os contratos futuros do minério de ferro, negociados na bolsa de Dalian, na China, encerraram a jornada desta quarta-feira (7) com queda de 0,48%, a 500,5  iuanes por tonelada.

Grandes Bancos / BRF – Segundo o jornal Valor, os grandes bancos estão pretendendo cortar a renovação automática de linhas de crédito da BRF, enquanto não houver esclarecimentos sobre a atual situação da empresa.

IPC-s / FGV – De acordo com dados da Fundação Getulio Vargas, o índice de preços ao consumidor semanal (IPC-s) registrou inflação de 0,13% na primeira semana de março.

Cotação / Bitcoin – O Bitcoin iniciou a quinta-feira operando abaixo dos US$ 10 mil. Com desvalorização de 1,57%, às 09h30 a moeda estava cotada a US$ 9.741.

Agenda Econômica 

BRASIL
* A Fundação Getulio Vargas (FGV) divulga às 8h os dados da primeira leitura do Indice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) referentes a março.

* A FGV divulga às 8h os dados do Indicador Antecedente de Emprego (IAEmp) e do Indicador Coincidente de Desemprego (ICD) referentes a fevereiro.

* O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga às 9h os dados sobre o Levantamento da Produção Agrícola referentes a fevereiro.

* O Tesouro promove a partir das 11h leilão de venda de títulos LTN com vencimento em 1 de abril de 2019, 1 de abril de 2020 e 1 de janeiro de 2022

* O Tesouro promove a partir das 11h leilão de venda de títulos NTN-F com vencimento em 1 de janeiro de 2025 e 1 de janeiro de 2029.

* A Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais (Apimec) promove reunião com a Engie Brasil, às 9h, em São Paulo.

ESTADOS UNIDOS

* Os pedidos de seguro-desemprego da semana encerrada no último sábado serão publicados às 10h30 pelo Departamento do Trabalho. Na semana anterior, os pedidos caíram em dez mil, para 210 mil. Analistas esperam alta para 220 mil pedidos.

EUROPA E ÁSIA
* China: a balança comercial de fevereiro será divulgada durante a madrugada pela alfândega do país. Em janeiro, houve superávit de US$ 20,34 bilhões.

* Alemanha: as encomendas à indústria de janeiro serão publicadas às 4h pelo Ministério de Economia e Tecnologia. Em dezembro, as encomendas cresceram 3,8% ante novembro.

* Eurozona: a decisão de política monetária será publicada às 9h45 pelo Banco Central Europeu (BCE).

* Eurozona: o presidente do BCE, Mario Draghi, concede entrevista coletiva para detalhar a decisão de política monetária às 10h30.

* China: o índice de preços ao consumidor de fevereiro será publicado às 22h30 pelo departamento de estatísticas. Em janeiro, houve inflação anual de 1,5%.

* China: o índice de preços ao produtor de fevereiro será publicado às 22h30 pelo departamento de estatísticas. Em janeiro, o índice subiu 4,3% em base anual.

 

Deixe um comentário