PF apura possível fraude em licitação de R$300 milhões na Casa da Moeda

LinkedIn

A Polícia Federal e a Corregedoria-Geral do Ministério da Fazenda deflagraram na manhã desta sexta-feira (23) a nova fase de uma investigação que apura suspeita de irregularidades em uma licitação da Casa da Moeda, no Brasil. A operação envolve compras de máquinas usadas na fabricação de cédulas de dinheiro por mais de R$ 300 milhões.

De acordo com a PF, há suspeita de que uma companhia privada tenha sido beneficiada no decorrer do procedimento licitatório destinada a compra de equipamento.

Operação 2015

Em 2015 foi deflagrada a primeira operação na Casa da Moeda, onde a suspeita era de que os funcionários estariam tentando direcionar procedimento licitatório para a recontratação da empresa Scipa Brasil Industria de Tintas e Sistemas como prestadora de serviços envolvendo um contrato de R$ 6 bilhões em seis anos.

Fonte: Reuters

Deixe um comentário