Bom dia, Investidor! 01 de junho de 2018

LinkedIn

Esse é o Bom Dia, Investidor, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir! 

Para saber o que aconteceu ontem após o fechamento do mercado, confira o nosso Boa noite, Investidor!

Pré Market

O mês de junho no Brasil começa em uma sexta-feira espremida entre o feriado e o fim de semana e sem grandes mudanças no cenário doméstico, o que mantém o mercado financeiro pressionado. No exterior, a decisão de Donald Trump de revogar o adiamento da sobretaxa no aço, horas antes de as isenções temporárias expirarem, resgatou a guerra comercial e o tema pesou nos negócios ontem.

Aliados próximos dos Estados Unidos planejam retaliar na mesma moeda, aplicando bilhões de dólares em tarifas extras na importação de vários produtos norte-americanos. A reação foi rápida e veio após Trump mudar de ideia e decidir elevar os encargos sobre alumínio e aço importados da União Europeia (UE), México e Canadá, já a partir de hoje.

No mercado financeiro, o índice Dow Jones caiu 1% ontem e o S&P 500 teve queda de 0,7%, mas a sinalização para o dia já é positiva, após uma sessão mista na Ásia. Na Europa, a Bolsa de Milão lidera os ganhos hoje, após os movimentos populistas chegarem a um acordo para a formação de governo, enquanto na Espanha, é crescente o risco de Mariano Rajoy perder o poder. O dólar e os bônus norte-americanos estão estáveis, assim como o petróleo.

Mas é o comércio mundial que preocupa o investidor. A decisão de Trump de suspender a isenção à importação de metais marca uma ação agressiva contra os principais parceiros comerciais dos EUA, que vinham lutando por um alívio permanente na taxação do aço e do alumínio. Juntos, UE, Canadá e México representam 40% dessas importações aos EUA.

Leia: Pré-Market: Mercado inicia novo mês com velhos problemas

Destaques Corporativos 

Comgás (BOV:CGAS5): A Companhia de Gás de São Paulo (Comgás) informou nesta quinta-feira (31) que vai reajustar o preço do gás para casas, estabelecimentos comerciais e indústrias em até 21%.

Cesp (BOV:CESP6): O Tribunal de Contas da União (TCU) liberou na quarta-feira a publicação do edital de privatização das seis distribuidoras da Eletrobras, incluindo a Cesp.

JBS (BOV:JBSS3): A JBS anunciou nesta sexta-feira que concluiu a emissão de US$ 500 milhões em títulos de dívida, com vencimento em outubro de 2022, ao custo de taxa de Libor mais 2,5%.

Eletropaulo (BOV:ELPL3): A Enel surpreendeu o mercado na última quarta-feira (30), ao ofertar R$ 7,56 bilhões para adquirir a Eletropaulo. Dessa forma, o grupo italiano deve conseguir o controle da distribuidora de energia no leilão que vai liquidar a oferta pública de ações, na segunda0feira, na B3.

Recomendações de Ativos 

Notre Dame (BOV:GNDI3): O UBS iniciou a cobertura da Notre Dame Intermédica com recomendação de compra e preço-alvo de R$ 25,50.

BR Properties (BOV:BRPR3): A equipe do Bradesco BBI cortou o preço-alvo da BR Properties para R$ 8 e elevou a recomendação para neutra.

Cielo (BOV:CIEL3): Os analistas do BTG Pactual cortaram o preço-alvo da Cielo para R$ 20 e reiteraram a recomendação neutra para o ativo.

Notícias 

Minério de ferro: Os contratos futuros do minério de ferro, negociados na Bolsa de Dalian, na China, fecharam a jornada desta sexta-feira com queda de 0,43% a 460,00 iuanes por tonelada.

Agenda Econômica

CapturadeTela2018-06-01às08.48.26

Deixe um comentário