Bom dia, Investidor! 11 de abril de 2019

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor! Com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Para saber o que aconteceu ontem, após o fechamento dos mercados, confira o Momento do Investidor.

Destaques corporativos

Banco Inter (BIDI4): Banco Inter divulgou nesta quinta, 11, a prévia operacional do 1° trimestre de 2019. A companhia informou que atingiu 1,9 milhão de correntistas no 1T19, número 3,6 vezes maior que o do 1T18. O volume transacionado em cartões atingiu R$ 1,3 bilhão no 1T19, 3,9 vezes maior do que no mesmo período do ano anterior.

B2W (BTOW3): Em comunicado enviado ao mercado após o pregão desta quarta, 10, a B2W confirmou que analisa a aquisição da Netshoes .A manifestação ocorre depois de o siteBrazil Journal divulgar que o Magazine Luiza e a B2W estão conduzindo auditorias na Netshoes para uma possível aquisição.

BR Distribuidora (BRDT3): O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) condenou nesta quarta-feira (10) a Ipiranga e a BR Distribuidora por induzir postos a uniformizar os preços de combustíveis nas regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Contagem e Betim, em Minas Gerais.

Kroton (KROT3): O conselho de administração da Kroton aprovou nesta quarta-feira (10) a primeira emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações do grupo de ensino, no valor de R$ 800 milhões.

Petrobras (PETR4): Petrobras se prepara para vender até 30% de sua participação na BR Distribuidora, apurou o Estadão. A empresa reduziria sua participação na subsidiária de distribuição de combustíveis por meio de uma emissão de ações, cuja expectativa é de que possam ser levantados cerca de R$ 8 bilhões.

Cemig (CMIG4): Nesta manhã, a Polícia Federal deflagrou a quarta fase da Operação Descarte. Segundo o blog de Fausto Macedo no Estadão, o objetivo da operação é apurar o desvio de recursos da Cemig por meio de um aporte de R$ 850 milhões na Renova Energia.

Sabesp (SBSP3): A Sabesp informou que a agência reguladora (Arsesp) autorizou a aplicação de reajuste anual de 4,72% sobre as tarifas de água e esgoto vigentes.

CSN (CSNA3): CSN anunciou uma captação de até US$ 1 bilhão em títulos de dívida no mercado externo. Segundo a empresa, os Notes serão emitidos por sua subsidiária, CSN Resources, no valor de US$ 600 milhões, com vencimento em 2026 e juros de 7,625% ao ano.

Vale (VALE3): Os impactos pós-tragédia de Brumadinho seguem repercutindo na Vale, dessa vez com a interdição de seis barragens em Minas Gerais. Segundo autoridades fiscais, há existência de grave e iminente risco à segurança dos trabalhadores.

Recomendação de ativos

A equipe do BB Investimentos atualizou o preço-alvo da Suzano (SUZB3) para R$ 62, com recomendação outperform.

Os analistas do Credit Suisse cortaram o preço-alvo da Usiminas (USIM5) de R$ 12,5 para R$ 12. A recomendação outperform foi mantida.

Para a CCR (CCRO3), a equipe do Itaú BBA optou por elevar o preço-alvo para R$ 14, com recomendação market perform reiterada.

Notícias

Reforma da Previdência: Integrantes da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara decidiram que o debate sobre o parecer do relator da reforma da Previdência, deputado Delegado Marcelo Freitas (PSL-MG), vai começar na próxima segunda-feira (15).

Governo Bolsonaro: O presidente Jair Bolsonaro comanda nesta quinta-feira (11), no Palácio do Planalto, uma solenidade para marcar os 100 primeiros dias de governo. O evento contará com a presença de ministros, diversas autoridades e parlamentares. Segundo o presidente, o governo conseguiu cumprir, nesses pouco mais de três meses, cerca de 95% das metas estabelecidas para o período.

Commodities

Petróleo Brent: O barril do petróleo Brent, com data de vencimento em abril deste ano e negociado no mercado de futuros em Londres, abriu a sessão desta quinta-feira, 11, em queda. A commodity iniciou o dia cotada a US$ 71,41, variando 0,41% quando comparado ao fechamento da sessão anterior.

Minério de ferro: A sessão desta quinta-feira foi marcada por uma nova valorização para os contratos futuros do minério de ferro, negociados na bolsa chinesa de Dalian. O ativo teve ganhos de 1,15% e encerrou o dia a 654,59 iuanes por tonelada. 

Câmbio

Dólar: O dólar opera em alta nesta quinta-feira (11). Às 9h02, a moeda norte-americana subia 0,44%, vendida a R$ 3,8397. Na véspera, a moeda caiu 0,79%, vendida a R$ 3,8228.

Agenda econômica

CapturadeTela2019-04-11às09.22.03

Deixe um comentário