Odebrecht fecha com Cade acordo de leniência de R$ 1,7 bilhão

LinkedIn

A Odebrecht assinou ontem com o Cade mais um acordo de leniência no âmbito da Lava-Jato. Desta vez, o foco foram as obras sempre marotas nos aeroportos comandados pela Infraero.

Pelo acordo, a Odebrecht vai pagar um total de R$ 1,7 bilhão. O valor inclui as maracutais referentes às obras nos aeroportos de Goiânia, Rio de Janeiro, Vitória, Guarulhos, Macapá, Congonhas, Macaé, Florianópolis e Belo Horizonte.

Pelo que foi assinado ontem com o Cade, a Odebrecht vai contar ainda detalhes dos acertos entre empreiteiras. E envolverá as notórias Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa, OAS, Queiroz Galvão, Beter, Carioca Engenharia, Constran, Construcap, CR Almeida, EIT, Estacon, Heleno & Fonseca, Galvão Engenharia, Gautama, Mendes Jr, Paulo Octávio, Serveng, Via Engenharia e Triunfo — ou seja, entraram na farra praticamente todas as empreiteiras conhecidas do Brasil e algumas outras pouco notórias ainda.

As informações são da Coluna do Lauro Jardim, do jornal O Globo.

Deixe um comentário