Bom dia, Investidor! 24 de junho de 2019

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor! Com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Destaques corporativos

Petrobras (PETR4): A Petrobras realizou na sexta-feira, por meio de subsidiárias, o pagamento do valor aproximado de US$ 700 milhões relacionado à sentença proferida pela Corte Federal do Texas, nos Estados Unidos, que julgou improcedente a ação proposta pela companhia com o objetivo de anular a sentença proferida na arbitragem movida por Vantage Deepwater Company e Vantage Deepwater Drilling Inc.

Banco Inter (BIDI4): O Banco Inter anunciou a distribuição de juros sobre o capital próprio no valor bruto total de R$ 12,812 milhões, equivalentes a R$ 0,126193160 por ação. O pagamento será efetuado em 05 de julho de 2019. A partir de 28 de junho, as ações serão negociadas “ex” estes juros sobre capital próprio.

Braskem (BRKM5): Em recurso enviado na sexta-feira ao Supremo Tribunal Federal (STF), a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu a suspensão de liminar concedida pela presidência do Superior Tribunal de Justiça (STJ) em favor da empresa Braskem, informou a assessoria de imprensa da PGR.

Hermes Pardini (PARD3): A Hermes Pardini aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio no valor bruto total de R$ 9,853 milhões, equivalentes a R$ 0,07569 por ação. O pagamento será realizado no dia 16 de julho, com base na participação no capital da companhia do dia 26 de junho. A partir de 27 de junho, as ações serão negociadas “ex”.

Tecnisa (TCSA3): De acordo com a Bloomberg, a Tecnisa contratou bancos para avançar numa possível oferta de ações. O Estadão havia informado semana passada que a oferta poderia sair em julho e que os recursos devem ser utilizados, principalmente, para o reforço de caixa, já que as dívidas de curto prazo estão superiores às disponibilidades ao final do primeiro trimestre.

Recomendação de ativos

Porto Seguro: A XP Investimentos iniciou a cobertura da Porto Seguro (PSSA3) com recomendação neutra e preço-alvo de R$ 58.

BB Seguridade: Para o papel da BB Seguridade (BBSE3), XP Investimentos optou por manter a recomendação de compra, com preço-alvo de R$ 39.

Notícias

Boletim Focus: Os economistas das instituições financeiras baixaram a estimativa de alta do Produto Interno Bruto (PIB) deste ano de 0,93 para 0,87%. Foi a 17ª queda consecutiva do indicador. A previsão consta no boletim de mercado também conhecido como relatório “Focus”, divulgado nesta segunda-feira (24) pelo Banco Central (BC).

Para 2019, os economistas do mercado financeiro reduziram a expectativa de inflação de 3,84% para 3,82%. A meta central deste ano é de 4,25%, e o intervalo de tolerância do sistema de metas varia de 2,75% a 5,75%.

A projeção do mercado financeiro para a taxa de câmbio no fim de 2019 ficou estável em R$ 3,80 por dólar. Para o fechamento de 2020, permaneceu em R$ 3,80 por dólar.

Commodities

Minério de ferro: A jornada desta segunda-feira na bolsa de mercadorias de cidade chinesa de Dalian foi marcada pela desvalorização dos contratos futuros do minério de ferro. O ativo encerrou a sessão com queda de 1,09% a 814,00 iuanes por tonelada.

Dólar

O dólar opera em queda nesta segunda-feira (24). Às 9h20, a moeda norte-americana recuava 0,22%, vendida a R$ 3,8176. Na sexta-feira, o dólar recuou 0,61%, vendido a R$ 3,8256. Na semana passada, o dólar caiu 1,90%. No ano, acumula queda de 1,25% e, no mês, de 2,53%.

Agenda econômica

CapturadeTela2019-06-24às09.28.43

Deixe um comentário