Mercado Bitcoin fecha parceria com a Circle e adiciona sua primeira stablecoin, ou USDC

LinkedIn

O Mercado Bitcoin, uma das maiores exchanges do Brasil, anunciou nesta quarta (20) a inclusão da primeira stablecoin em seu portifólio, o USDC.

“A stablecoin foi escolhida por ser  uma criptomoeda estável com lastro em dólar americano, com alto índice de confiabilidade e potencial de alavancar as negociações na plataforma.”

A USDC permite que o cliente do MB diversifique ainda mais seus investimentos. As negociações de USDC estarão disponíveis a partir de 25 de maio e para iniciar o MB permite um depósito mínimo de R$ 50.

USDC

Executada na blockchain Ethereum (ERC-20), a USDC é a segunda maior stablecoin lastreada em dólar americano do mercado (U$ 750 milhões de emissões) – fica atrás somente do Tether (U$ 6,4 bi).

O design é baseado na estrutura de código aberto com moeda fiduciária colateral fora do Blockchain, o que garante a paridade um para um com o dólar americano.

“Além de apresentarem menor variação de cotação no dia a dia quando comparadas com outras criptomoedas, as stablecoins são referenciadas em um ativo da economia real, mas que não dependem necessariamente do uso do sistema bancário tradicional para suas transações”, explica Fabrício Tota, diretor do Mercado Bitcoin.

Segundo o executivo, a principal variável da oscilação da USDC é o câmbio.

“É uma alternativa simples e barata para o investidor se expor em dólares, muito melhor em termos de custo e usabilidade do que um fundo cambial ou contratos futuros de câmbio”. Vale ressaltar que, ao comprar USDC no Mercado Bitcoin, o investidor estará indiretamente exposto aos riscos do emissor do token, o consórcio CENTRE, conforme a política de risco disponível no site Circle USDC Risk Factors.

A Circle, uma das empresas de blockchain mais respeitadas do mundo, foi a primeira empresa a obter a BitLicense, licença para operar criptomoedas no estado de NY e a primeira na Inglaterra a possuir licença para operar moedas virtuais.

Segundo João Reginatto, Vice-Presidente de Produto, e Lider de Produto para USDC, a criptomoeda vem se destacando pela ampla adoção por parte de consumidores, plataformas e produtos ao redor do mundo, particularmente nos últimos meses.

“Investidores se beneficiam com USDC principalmente porque têm acesso fácil a um ativo que representa o Dólar Americano – um elemento interessante como parcela de um portfólio diversificado, especialmente em tempos de crise financeira. Além disso, se beneficia com a habilidade de mover seus ativos de uma plataforma para outra de maneira eficiente e com valor estável, podendo explorar diferentes estratégias de investimento de maneira ágil”.

O Mercado Bitcoin está inovando mais uma vez como a primeira exchange brasileira a listar USDC, oferecendo ao investidor um produto único que oportuniza a alocação de parte de portfólio em dólares digitais”, comemora o executivo da Circle.

Por Cassio Gusson

Veja o Ranking das principais criptomoedas

Comentários

  1. Emily Buckley diz:

    bitcoin é muito lucrativo, mas por favor, todos vocês devem ter cuidado para não ser vítima de golpistas, fui enganado com 69.000 $ em uma plataforma chamada POSCO INVESMENTS, cuidado com isso. Recentemente, fui encaminhada para uma mineradora de bitcoin professinal chamada Ellen e ela me apresentou a uma empresa e, por pouco tempo, recuperei mais da metade do que perdi. Para obter conselhos para permitir que você invista sabiamente contate Ellen em seu whatsapp certamente testemunhará.

Deixe um comentário