Farmacêutica britânica prevê entregar 2 bi de doses de vacina da covid-19

LinkedIn

A farmacêutica britânica AstraZeneca espera entregar dois bilhões de doses de sua potencial vacina contra coronavírus este ano e em 2021, o dobro de previsões anteriores, graças a acordos com o Serum Institute of India e duas organizações globais de saúde apoiadas por Bill Gates.

A empresa, que já concordou fornecer 400 milhões de doses aos governos dos Estados Unidos e do Reino Unido, disse nesta quinta-feira ter acordado termos com a empresa indiana, maior fabricante mundial de vacinas em volume, para fornecer 1 bilhão de doses para países de baixa e média renda.

A parceria da AstraZeneca com a Universidade de Oxford chamou a atenção internacional como uma das principais candidatas a vacina contra o coronavírus, obtendo mais de 1 bilhão de dólares em financiamento do governo dos EUA no mês passado, à medida que amplia os testes da vacina e a capacidade de fabricação.

A empresa também assinou um acordo no valor de 750 milhões de dólares com as alianças de vacinação Coalition for Epidemic Preparedness (Cepi) e a Gavi, ambas criadas por Gates, o fundador da Microsoft, e sua esposa, Melinda, para produzir 300 milhões de doses da vacina.

Deixe um comentário