Mistcoin, o primeiro token minerável lançado na plataforma Bitcoin Cash (BCH)

LinkedIn

Bitcoin Cash (BCH) é a maior bifurcação da rede Bitcoin (BTC), criada em 2017. Sua estrutura de Protocolo de Registro Simples (do inglês “Simple Ledger Protocol” ou SLP) permite a tokenização na plataforma BCH.

Segundo o site de notícias Bitcoin.com, mistcoin (MIST) é, basicamente, uma implementação minerável de moedas na plataforma Bitcoin Cash.

Assim, participantes mineram os tokens SLP usando “proof-of-work para ajudar a descentralizar a alocação de tokens recém-minerados”. Mist foi criado por um desenvolvedor anônimo chamado “Kasumi”.

“O script é um contrato conveniado e sem estado [“stateless”] que fornece validação para uma solução de mineração aceitável e uma quantidade programada da recompensa por mineração.

Um requisito constante de dificuldade proof-of-work, agrupado com OP_CHECKLOCKTIMEVERIFY, mantém mist sincronizado com a altura de bloco subjacente do blockchain.

Até onde sabemos, mist é o primeiro token completamente autônomo, descentralizado e minerável criado no [protocolo] Bitcoin.”

Em seguida, o documento explica:

“Antes de mist, o processo de mineração de novos tokens estava apenas sob o controle do criador do token. O novo conceito de mineração de tokens SLP permite que um token baseado em bitcoin seja descentralizado, com um processo apermissionado de recompensa por mineração.”

A criação de Kasumi permitirá que o token “seja usado para aplicações descentralizadas além do propósito de ganhar recompensas por token”.

Para minerar mistcoin, é necessário baixar um arquivo compactado (“mist_miner_0.0.2.zip”) e instalar o software. Todas as instruções estão detalhadas no canal do Telegram “Mist Mining Official”.

A comunidade do Bitcoin Cash é a favor do projeto, pois que alguns disseram que é “a coisa mais legal já vista no SLP”. Mistcoin foi criado no bloco BCH de número 639.442 e, até agora, mais de 1,7 mil transações foram realizadas.

Por Daniela Pereira do Nascimento

Deixe um comentário