Log-In ligará Manaus a Assunção

LinkedIn

A Log-In Logística Intermodal (BOV:LOGN3) ampliará seu serviço de navegação costeira com o atendimento ao porto de Assunção, no Paraguai. A linha ligará os principais portos brasileiros ao Mercosul, de Manaus a Assunção, usando serviços marítimos regulares já em operação.

O comunicado foi feito ao mercado na noite desta quinta-feira (08).

Para chegar a Assunção, os navios da Log-In farão conexão em Buenos Aires, a partir de onde as cargas em contêineres serão transferidas para embarcações menores, do armador Independencia Shipping Lines (ISL), com quem a Log-In firmou parceria.

Buenos Aires será o porto de conexão da carga em contêineres dos navios da Log-In para embarcações menores que farão a travessia via Rio Paraná através de uma parceria com o armador Independencia Shipping Lines (ISL). A ISL operará o trecho Assunção x Buenos Aires x Assunção utilizando três navios, inicialmente com escala quinzenal.

De acordo com o comunicado da Log-In, o trecho entre Buenos Aires e Assunção tem grande potencial para navegação, uma vez que 92% de tudo que é transportado do Paraguai para o Brasil é feito por caminhão, e apenas 8% usa o transporte marítimo.

Segundo o diretor-presidente da Log-In, Marcio Arany, trata-se de uma oportunidade de captar volumes do modal rodoviário. “Acreditamos que este é o primeiro passo para o desenvolvimento de novos negócios na região”, disse ele no comunicado.

Prejuízo de R$ 14,8 milhões no 2T20

A empresa de logística Log-in registrou prejuízo de R$ 14,8 milhões no segundo trimestre, revertendo lucro de R$ 9,7 milhões obtido no mesmo período de 2019. Além do recuo na receita, o resultado da companhia foi afetado principalmente pelo crescimento de 145% nas despesas operacionais, para R$ 17,9 milhões.

A empresa pretende divulgar os resultados do 3T20 no dia 10 de novembro.

Deixe um comentário