ADVFN Logo

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Registration Strip Icon for alerts Cadastre-se para alertas em tempo real, use o simulador personalizado e observe os movimentos do mercado.

Preços de importação dos EUA caem inesperadamente em outubro

LinkedIn

Os preços de importação dos EUA caíram inesperadamente em outubro, à medida que o custo dos produtos petrolíferos e uma série de outros bens diminuíram, sugerindo que a inflação poderia permanecer baixa por um tempo.

O Departamento do Trabalho disse na terça-feira que os preços de importação caíram 0,1% no mês passado. Os dados de setembro foram revisados ​​para baixo para mostrar os preços de importação ganhando 0,2%, em vez de alta de 0,3%, conforme publicado anteriormente. Economistas ouvidos pela Reuters previam preços de importação, que excluem tarifas, avançando 0,2% em outubro.

No acumulado de 12 meses até outubro, os preços de importação caíram 1,0%, após queda de 1,4% em setembro.

Os preços do petróleo caíram 1,0% no mês passado. Excluindo o petróleo, os preços de importação permaneceram inalterados, após alta de 0,6% em setembro. A fraqueza nos preços de importação veio na esteira dos dados da semana passada, mostrando um aumento constante nos preços ao produtor em outubro e desaceleração da inflação ao consumidor.

Os preços dos alimentos importados subiram 0,1% no mês passado. O custo dos produtos importados da China ficou inalterado pelo segundo mês consecutivo. No mês passado, os preços dos bens de capital importados permaneceram estáveis. O custo dos veículos automotores importados caiu 0,1%. Os preços de bens de consumo excluindo automóveis caíram 0,2%.

O relatório também mostrou que os preços de exportação aumentaram 0,2% em outubro, impulsionados pelos preços de exportação agrícolas mais elevados. Os preços das exportações não agrícolas permaneceram inalterados. Os preços de exportação subiram 0,6% em setembro. Eles caíram 1,6% em uma base anual em outubro, após diminuir 1,8% em setembro.

Fonte CNBC

Deixe um comentário

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

Support: (11) 4950 5808 | suporte@advfn.com.br