Exchange interrompe temporariamente retiradas de ETH, devido as novas máximas do gás

LinkedIn

A exchange de criptomoeda japonesa Liquid desativou temporariamente as retiradas do Ether (ETH) enquanto a criptomoeda atinge novas máximas.

De acordo com um anúncio publicado hoje, 4 de fevereiro, a Liquid suspendeu os saques de ETH e alguns tokens ERC-20 devido a um grande aumento nos custos de transação ou taxas de gás. “O serviço será retomado assim que as taxas de gás voltarem aos níveis normais. Todas as outras moedas cripto estão operando normalmente ”, disse Liquid.

No dia 4 de fevereiro, o preço do ETH registrou outra alta acima de US$ 1.600, após um crescimento impulsionado de quase 20% nos últimos sete dias. O preço crescente tem aumentado constantemente os custos de transação, atingindo novas máximas históricas.

De acordo com dados da YCharts, as taxas de gás atingiram uma média de US$ 17,5 por transação.


Ethereum Average Transaction Fee. Source: YCharts

Conforme relatado anteriormente, as taxas de gás começaram a crescer de forma significativa no início de janeiro de 2021, quando o Ethereum quebrou seu recorde anterior de mais de US$ 1.400.

O último aumento nas taxas de gás teve um grande impacto em vários projetos de finanças descentralizadas, com algumas taxas de transação de DeFi subindo acima de US$ 1.000. As taxas nas principais exchanges descentralizadas, como Uniswap e SushiSwap, atingiram níveis anormais de US$ 40 a US$ 75. Procurando por taxas mais baixas, os usuários de DeFi estão procurando alternativas para o Ethereum como o Flamingo.

Kain Warwick, fundador da plataforma de emissão de ativos sintéticos baseada em Ethereum, o  Synthetix, expressou confiança de que o aumento das taxas de ETH aumentará ainda mais os volumes de transações do protocolo:

“Obviamente, precisamos ver qual é o comportamento do usuário quando as taxas não são subsidiadas. Suspeito fortemente que o volume tx só aumentará a partir daqui. No momento você não pode fazer muito a não ser sentar e tomar um chá de hortelã.”

No momento da publicação, os volumes de transações Ether chegam a US$ 44 bilhões, ante US$ 37 bilhões em 28 de janeiro. A segunda maior criptomoeda está sendo negociada a US$ 1.639, um aumento de 6,3% nas últimas 24 horas no momento em que este artigo foi escrito.

Por Helen Partz

Deixe um comentário