Governo central registrou um déficit primário de R$21,217 bilhões em fevereiro

LinkedIn

O governo central, composto por Tesouro Nacional, Banco Central e Previdência Social, registrou um déficit primário de R$ 21,217 bilhões em fevereiro, divulgou o Tesouro nesta terça-feira.

O dado veio melhor que a projeção de analistas de um déficit de R$ 26,5 bilhões, segundo pesquisa Reuters.

No acumulado do ano, o governo central acumula superávit de R$ 22,356 bilhões, já que, em janeiro, registrou um superávit primário de R$ 43,2 bilhões.

O resultado primário do governo central acumulado em 12 meses até fevereiro foi de déficit de R$ 776,8 bilhões, equivalente a 9,9% do PIB.

Em fevereiro de 2020, quando a economia do país ainda não havia sido impactada pela pandemia do coronavírus, o governo central registrou déficit primário de R$ 25,858 bilhões.

Veja também: 

Após a criação recorde de 258.141 vagas em janeiro (dado revisado nesta data), o mercado de trabalho formal brasileiro voltou a surpreender em fevereiro, com um saldo positivo de 401.639 carteiras assinadas, de acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta terça-feira, 30, pelo Ministério da Economia.

(Com informações da Reuters)

Deixe um comentário