JPMorgan pretende lançar cesta de exposição as criptomoedas

LinkedIn

O banco dos EUA JPMorgan pretende oferecer aos seus clientes uma forma de obter exposição a criptomoedas na forma de ações de empresas listadas em bolsas. O banco enviou os documentos regulatórios à Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC).

A documentação sobre o produto fornece detalhes das chamadas “Cesta de Empresas com Exposição à criptomoedas do JPMorgan”. A “Cesta” da empresa com exposição aos ativos digitais inclui MicroStrategy, Square, Riot Blockchain e chipmaker NVIDIA. E mais 11 empresas consideradas com alguma exposição ao Bitcoin (BTC) e as criptomoedas.

O JPMorgan diz que as “cestas operam negócios que estão direta ou indiretamente relacionados as criptomoedas”. O processo aponta ainda mais o interesse dos traders de Wall Street no mercado.

As notas possuem uma data de maturação marcada para maio, segundo o CryptoGlobe, as notas vão ser pagas com base no desempenho das empresas da cesta. E ainda vão custar no mínimo US$1.000.

Além disso, a iniciativa veio após o JPMorgan ter distribuído uma apresentação educacional a seus clientes para ajudá-los a entender os riscos e o potencial das criptomoedas.

Relatório JPMorgan

Contudo, isso só foi possível após o relatório realizado pelo JPMorgan, alertando as empresas financeiras que correm o risco de ficar para trás nas finanças digitais.

Recentemente, o banco publicou uma pesquisa onde afirma que 78% dos grandes investidores não querem saber de criptomoedas por conta da volatilidade. Os resultados da pesquisa sugerem que a criptomoeda está ficando cada vez mais conhecida, mas ainda há um receio na hora de investir. Por fim, 77% dos investidores institucionais querem que as autoridades desenvolvam regulações mais rigorosas para as criptomoedas.

O resultado mostra que um terço das instituições entrevistadas investiu em criptomoedas ou está disposta a isso. Isso sugere que a reputação do bitcoin e de outros ativos digitais entre os investidores institucionais melhorou.

Por Miriam Romão

Deixe um comentário