BB Investimentos analisa momento do segmento de construção

LinkedIn

Confira a análise da equipe do BB Investimentos sobre o que esperar para o segmento de construção civil em junho. Além disso, os analistas comentam sobre os principais destaques que aconteceram no setor em maio.

BB Investimentos analisa segmento de construção

O Ibovespa subiu 6,2% no mês de maio, beneficiado pelas companhias focadas no mercado interno. O Imob, por sua vez, terminou o mês em 7,1%, 0,9 p.p. acima do Ibovespa favorecido pela retomada das atividades econômicas de varejo e shopping, com a flexibilização das suspensões temporárias das atividades nos Estados, além do aumento das vendas (+460% a/a, acima das expectativas de +370% a/a) no decorrência do Dia das Mães.

Além disso, a pesquisa divulgada pela CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção) apontou que o mercado imobiliário nacional encerrou o primeiro trimestre do ano com crescimento nas vendas (+27,1% a/a) das unidades e um leve avanço dos lançamentos (+3,7% a/a), diante de incertezas com a pressão sobre os custos de construção. Dessa forma, com mais vendas que lançamentos, os estoques de imóveis caíram 14,8%. Nesse ritmo de vendas, e não ocorrendo novos lançamentos, o estoque se esgotaria em 8,9 meses (contra 11,8 meses há um ano).

Por fim, os analistas acreditam que, em junho, as ações do setor poderão ser pressionadas pela permanência das incertezas sobre o aumento dos custos dos insumos e das taxas de juros no país, aliado as possíveis restrições às atividades por conta do risco de uma 3ª onda de Covid-19.


Como podemos ajudar você?

Conheça o Clube Acionista, onde diversos relatórios você encontra em um só lugar.

Em nosso canal do Telegram você receberá as principais notícias que movimentam o mercado.

Na área O que comprar você acompanha diversas sugestões e atualizações.

Em nossas Assinaturas você pode conferir diversas recomendações, análises e conteúdos exclusivos.

Deixe um comentário