Cemig comunica que a Assembleia Legislativa de Minas Gerais designou os membros integrantes para a CPI que investigará supostas ilegalidades na empresa

LinkedIn

A Cemig comunicou há pouco que a Assembleia Legislativa de Minas Gerais, realizada foram designados os membros integrantes para Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar supostas ilegalidades na empresa, entre elas a contratação de consultorias e assessorias sem licitação.

O fato relevante foi feito pela empresa (BOV:CMIG3), nesta quinta-feira (24). Confira o comunicado na íntegra. 

A CPI tem poderes para, em 120 dias, contados a partir da nomeação do Presidente e Vice-Presidente da CPI, realizar as investigações sobre os fatos que fundamentaram o requerimento de instauração da comissão.

“A companhia reafirma o compromisso com as melhores práticas de governança e compliance e de prestar todas as informações necessárias ao pleno entendimento e esclarecimentos das suas decisões de gestão”, diz a empresa em fato relevante.

Lucro líquido de R$ 422 milhões no 1T21, revertendo prejuízo

Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) registrou lucro líquido de R$ 422 milhões no primeiro trimestre, revertendo o prejuízo de R$ 68,7 milhões apurado no mesmo intervalo do ano passado, impulsionada pelo aumento das receitas no primeiro trimestre de 2021 e pelo reconhecimento, em 2020, da redução ao valor recuperável de ativos mantidos para venda no valor líquido de tributos de R$ 402 milhões.

ebtida – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – cresceu 133,25%, para R$ 1,8 bilhão, no mesmo intervalo de comparação. A margem do indicador passou de 13,09%, no primeiro trimestre de 2020, para 25,97% este ano.

Já o Ebitda ajustado pela exclusão dos itens não recorrentes aumentou 22,92% entre janeiro e março, para R$ 1,65 bilhões, enquanto a margem do indicador subiu de 22,32% para 23,33%.

Informações Broadcast

Deixe um comentário