Hackers roubam bitcoin da polícia da Nova Zelândia

LinkedIn

De acordo com o jornal New Zealand Herald, hackers aparentemente roubaram NZ$ 45 mil (cerca de US$ 32 mil) em bitcoin (BTC) de uma carteira digital da polícia da Nova Zelândia, que seria utilizada em uma investigação de lavagem de dinheiro.

A polícia pretendia usar o bitcoin em uma operação de compra clandestina de drogas ilícitas. No entanto, uma entidade não policial supostamente obteve o controle das chaves privadas necessárias para acessar a carteira e retirou as criptomoedas.

A polícia ainda não sabe quem roubou o bitcoin, apesar de o inspetor Stuart Mills do Grupo de Combate ao Crime Organizado da Polícia Nacional da Nova Zelândia ter dito que esses infratores “provavelmente estão no exterior” e que “o crime foi parte de uma fraude maior que tinha como alvo carteiras de bitcoin”, noticiou o New Zealand Herald.

Investigações sobre para onde foi esse dinheiro e como os culpados tiveram acesso à chave privada ainda estão em andamento.

É importante ressaltar que as criptomoedas não são desconhecidas pela polícia neozelandesa. No ano passado, autoridades do país confiscaram cerca de US$ 90 milhões em bitcoin de Alexander Vinnik, suposto operador da agora extinta corretora cripto BTC-e, que recebeu uma sentença de prisão de cinco anos por fraude cripto com ransomware.

 

Deixe um comentário