Dólar fecha em leve queda em meio a cenário interno menos volátil

LinkedIn

O dólar comercial encerrou o dia em queda de -0,05% sendo cotado a R$5,382 para venda e a R$ 5,381 para compra, em sessão marcada por relativa calmaria, apesar das já recorrentes tensões políticas e fiscais no âmbito doméstico, a moeda norte-americana pouco oscilou e mostrou viés de baixa volatilidade.

Para o diretor da Amaril Franklin, Fernando Franklin, “o câmbio sofreu muito nas últimas semanas, e essas incertezas acabaram impactando no dólar. Estamos em um momento de indefinições políticas e fiscais”.

Em um cenário de altos e baixos, é difícil fazer prognósticos precisos: “O cenário é muito dinâmico, não existe uma direção definida (do câmbio). Os fatores políticos impedem um avanço maior da economia. É um momento de cautela”, avalia Franklin.

Franklin, contudo, vê indícios animadores: “As mortes pela covid-19, mesmo ainda altas, estão diminuindo, assim como os resultados das empresas melhoraram em comparação com o último trimestre. Isso ajuda na retomada da economia”, pontua.

Segundo o sócio-analista da Levante, Enrico Cozzolino, “o mercado viu como algo positivo a autonomia do Banco Central, mesmo Bolsonaro tendo declarado que se arrependeu disso”. Bolsonaro ter voltado atrás em alguns vetos na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), algo também visto de modo positivo pelo mercado.

O tapering (remoção de estímulos) também é um fator relevante: “Alguns membros do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), que eram a favor do tapering, agora já mudaram um pouco o discurso”, pontua Cozzolino.

Existe a expectativa para o simpósio anual de Jackson Hole, a ser realizado no dia 27 de agosto, com a presença de Jerome Powell, presidente do Fed, que pode sinalizar os próximos passos da política monetária dos Estados Unidos.

Para o trader da Quantitas, Lucas Monteiro, “o tom do dia começa positivo para o mercado interno. O fluxo de notícias no final de semana foi mais tranquilo, e isso ajuda a fortalecer o real. Quando houver essa acomodação de notícias, o real vai andar em linha com os pares”.

“O dólar vem em uma tendência de fortalecimento global, principalmente com a postura mais dovish (menos austera, com injeção de estímulos à economia) do Fed. Para o trader, desde que não haja ruídos internos, a taxa cambial tende a encontrar uma estabilidade.

Na mínima do dia chegou a R$ 5,346 e na máxima a R$ 5,402. No mercado futuro, o contrato da moeda norte-americana com vencimento em setembro de 2021 queda -0,5%, cotado a R$ 5.388.

Acompanhe as altas e baixas do dólar nos últimos dias:

Data Compra Venda Variação Variação
02/08/2021 5,1648 5,1653 -0,856% -0,0446
03/08/2021 5,1917 5,1927 0,531% 0,0274
04/08/5021 5,1853 5,1858 -0,133% -0,0069
05/08/2021 5,2146 5,2156 0,575% 0,0298
06/08/2021 5,2358 5,2363 0,397% 0,0207
09/08/2021 5,2468 5,2473 0,21% 0,011
10/08/2021 5,1962 5,1967 -0,964% -0,0506
11/08/2021 5,2207 5,2212 0,472% 0,0245
12/08/2021 5,2559 5,2564 0,674% 0,0352
13/08/2021 5,2441 5,2451 -0,215% -0,0113
16/08/2021 5,2802 5,2807 0,679% 0,0356
17/08/2021 5,2696 5,2696 -0,201% -0,0106
18/08/2021 5,3744 5,3749 1,989% 0,1048
19/08/2021 5,4218 5,4228 0,891% 0,0479
20/08/2021 5,3843 5,3848 -0,701% -0,038
23/08/2021 5,381 5,382 -0,052% -0,0028

💵 Está pensando em viajar? Faça a conversão de moedas gratuitamente!

🇧🇷 – US$ 1 = R$ 5,38
🇪🇺 – US$ 1 = €$ 0,85
🇬🇧 – US$ 1 = £$ 0,72

Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com

Em atualização…

(Com informações da TC,  UOl e Agencia CMA)

Deixe um comentário