Ouro fechou em queda pressionado pela alta nos juros longos dos Treasuries

LinkedIn

O ouro fechou em queda nesta quarta-feira, pressionado pela alta nos juros longos dos Treasuries, que concorrem com o metal como ativo de segurança de investidores. O movimento ocorreu à medida que o mercado aguarda pela divulgação da ata da reunião de política monetária de julho do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano).

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro com entrega prevista para dezembro recuou 0,19%, a US$ 1.784,40 a onça-troy.

Além da renda fixa, a apreciação do dólar ante a maioria de suas moedas rivais ao longo do dia também ajudou a conter o ímpeto do ouro, que é cotado na moeda norte-americana e, portanto, encarece quando a divisa ganha força no mercado cambial.

Principal driver para os ativos no exterior nesta quarta, a ata do último encontro do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Fed não deve ter grande impacto no preço da commodity metálica, segundo o Commerzbank.

“O presidente do Fed, Jerome Powell deixou claro na entrevista coletiva após a reunião de julho que as condições para reduzir as compras de títulos ainda não estavam reunidas”, diz o banco em relatório, apostando que a ata não dará maiores sinalizações sobre o início do tapering – como é chamado o processo de retirada gradual dos estímulos monetários – pelo Fed.

(Com informações do Tc e Estadão)

Deixe um comentário