4 coisas que aconteceram no mundo crypto na semana passada

LinkedIn

As principais criptomoedas por valor de mercado estão no vermelho na terça-feira (7).

O Bitcoin está sendo negociado atualmente por cerca de US$ 47.000, depois de ultrapassar os US$ 52.000 na manhã de terça-feira, seu nível mais alto desde maio. Ether também está em baixa, atualmente sendo negociado por cerca de US$ 3.500 , embora tenha ficado brevemente acima de US$ 4.000 na sexta-feira.

Apesar da queda, outras altcoins, como Solana, subiram na classificação. No final da semana passada, Solana ultrapassou dogecoin e agora é a sétima maior criptomoeda em valor de mercado. E na terça-feira, atingiu um recorde histórico de quase US$ 195.

Aqui estão quatro outras coisas importantes que aconteceram na criptografia na semana passada, desde El Salvador adotando oficialmente o bitcoin como moeda legal e o NFT, ou token não fungível, tendo um boom no mercado.

1. El Salvador comprou mais de US$ 20 milhões em bitcoin

Na terça-feira, a lei de El Salvador que adota o bitcoin como moeda legal entrou em vigor.

Ele permite que o bitcoin seja usado como pagamento de mercadorias e impostos. As empresas podem precificar seus produtos em bitcoin, e as trocas não estarão sujeitas ao imposto sobre ganhos de capital.

E na segunda-feira, El Salvador comprou mais de US$ 20,9 milhões em bitcoins, de acordo com tuítes do presidente Nayib Bukele. Bukele disse que o país comprou 400 bitcoins, o primeiro passo em seu plano de adicionar a criptomoeda ao seu balanço.

“El Salvador acaba de comprar 200 novas moedas. Agora temos 400” – Bukele tuitou na segunda-feira.

2. A SEC está supostamente investigando o Uniswap Labs

A Securities and Exchange Commission (SEC) está investigando o Uniswap Labs, a start-up por trás do Uniswap, informou o Wall Street Journal na sexta-feira. Uniswap é um dos maiores protocolos de troca descentralizados e é altamente considerado dentro do espaço financeiro descentralizado, ou DeFi.

Os reguladores estão buscando informações sobre como os investidores usam o Uniswap e como ele é comercializado, de acordo com o Journal. Ele também informou que a investigação está nos estágios iniciais e pode não levar a nenhuma acusação formal.

Milhares de moedas digitais podem ser negociadas no Uniswap. Nas últimas 24 horas, a Uniswap teve mais de US$ 1,77 bilhão em volume e US$ 4,41 milhões gerados em taxas, de acordo com seu site.

Um porta-voz da Uniswap Labs disse ao Journal que a start-up está “comprometida em cumprir as leis e regulamentos que regem nosso setor e em fornecer informações aos reguladores que os auxiliarão em qualquer consulta”.

3. A FTX.US planeja começar a oferecer derivados de criptografia aos clientes

Em 31 de agosto, a FTX.US, afiliada americana da bolsa global de criptomoedas FTX International, anunciou que adquirirá a LedgerX, uma bolsa de derivativos de criptomoedas regulamentada pela Commodity Futures Trading Commission (CFTC), por um valor não divulgado.

Derivativos são contratos financeiros como futuros ou opções, em que o preço é baseado no valor de um ativo subjacente.

LedgerX oferece futuros, opções e trocas em criptomoedas como bitcoin e Ether. Semelhante a qualquer investimento, os derivativos vêm com seu próprio conjunto de riscos, mas também podem ser usados ​​para obter exposição a ativos sem realmente comprá-los.

4. O boom do mercado de NFT continua

O mercado de NFTs  explodiu. Somente em agosto, o OpenSea, o maior mercado de NFT do mundo, viu mais de  US$ 2 bilhões em transações, com alguns itens colecionáveis ​​individuais de NFT sendo  vendidos por milhões de dólares.

Mesmo as principais casas de leilão, como a Sotheby’s e a Christie’s, continuam a vender NFTs raros.

Na quinta-feira, por exemplo, a Sotheby’s iniciou um leilão de 107 Bored Ape Yacht Club NFTs, que terminará em 9 de setembro. O lance atual para a coleta de 107 NFTs é de US$ 19 milhões, excedendo a estimativa da Sotheby’s de um máximo de US$ 18 milhões. Cada macaco entediado é considerado um colecionador, uma vez que são únicos e gerados de forma programática.

Outros novos projetos de NFT, como Loot, que são listas de equipamentos de aventureiro aleatórios vendidos como NFTs, agitaram a comunidade criptográfica.

Alguns dos primeiros projetos NFT também não perderam força. CryptoKitties, um dos primeiros NFTs de 2017, viu mais de US$ 7 milhões em volume de negócios na semana passada, de acordo com DappRadar.

Deixe um comentário