O autor do “The Bitcoin Reformation”, Tuur Demeester, compartilha um gráfico interessante

LinkedIn

O investidor e analista Tuur Demeester, autor do relatório revolucionário “The Bitcoin Reformation”,  compartilha suas opiniões sobre como é o aumento contínuo dos preços do Bitcoin.

Ambição de Bitcoin rodada 2.0?

De acordo com os gráficos compartilhados por Demeester, o fornecimento de Bitcoin (COIN:BTCUSD) está de volta à zona de “ganância”. Por “ganância”, ele se refere a uma situação em que mais de 55% dos Bitcoins são mantidos com lucros não realizados (“papel”).

A jornada anterior de longo prazo para esta zona de “ganância” resultou em um aumento de 200% no preço do Bitcoin (BTC), impulsionado por investidores de varejo e institucionais.

Durou 196 dias consecutivos e foi substituído por uma fase “incerta” de “Otimismo / Negação” em maio. Demeester diz que um período de “esfriamento” vai terminar em breve.

Depois da “Black Friday” em março de 2020, o BTC acabou na zona de “rendição” e não voltou lá desde então.

Novos máximos mensais para o BTC

Além disso, Demeester notou que as duas últimas corridas de touros (em 2013 e em 2017) tiveram duas ondas cada. Assim, a corrida do Bitcoin (COIN:BTCBRL) para US$65.000 em maio é provavelmente atribuída à primeira fase desta alta.

Conforme já relatamos, o BTC atingiu brevemente o nível magnífico de US$55.367 nas principais plataformas de hoje. Até o momento, a moeda-rei está mudando de mãos por US$55.267, imprimindo um aumento de 10% em 24 horas.

O índice “Fear and Greed” do Bitcoin da Alternative está em alta pelo terceiro dia consecutivo. Ontem, ele entrou na zona de “ganância” e agora está estimado em 68/100.

Por Gabrieli Torres

Deixe um comentário