Confira as principais manchetes dos jornais desta segunda-feira (08/11/2021)

LinkedIn

As manchetes de hoje:

VALOR

🗞 ️Inflação já pressiona os resultados das empresas — A escalada da inflação já vem demonstrando reflexos na temporada de balanços. O repasse do aumento nos custos da cadeia de produção está provocando uma retração do consumo da população com impacto direto nas receitas das companhias.

🗞 ️Instabilidade do dólar eleva custo do “hedge” — Bancos avaliam que a demanda pela operação não deve diminuir de forma significativa, em especial dado o cenário bastante incerto até 2022.

🗞 ️A conta do financiamento climático — Promessa de entregar US$ 100 bilhões ao ano para o mundo em desenvolvimento a partir de 2020, feita pelos países industrializados em 2019, ainda não foi cumprida e só o será em 2023.

O GLOBO

🗞 ️Reajuste nos transportes pressionará inflação em 2022 — Depois da alta do combustível, em 2022 o orçamento dos brasileiros e a inflação serão pressionados pelo reajuste do transporte público. As empresas do setor acumulam déficit de R$ 17 bilhões durante a pandemia e atribuem parte desse resultado ao aumento do diesel. As prefeituras terão de repassar o aumento dos custos para as tarifas ou arcar com subsídios.

🗞 ️Enfraquecido diplomaticamente, Brasil sinaliza ceder em mercado de carbono — O governo dá sinais de retroceder em sua posição na conferência do cima da ONU em Glasgow. Sob pressão externa e da indústria nacional, o Brasil deve abandonar a exigência da contagem dupla nas venda de crédito de carbono.

🗞 ️Reduto de Lira está entre os campões de envio de emendas — Levantamento do Globo aponta que Arapiraca foi a segunda cidade que mais recebeu recursos da emenda de relator, instrumento suspenso por decisão da ministra Rosa Weber. O município é reduto eleitoral de Arthur Lira.

ESTADÃO

🗞 “Bico” avança e mais 2 milhões de informais recebem até um salário — O chamado bico avnça no País, segundo estudo com dados da Pnad Contínua do IBGE, reflexo do desemprego alto e do fraco desempenho da economia. Entre os segundo trimestre de 2019 e o segundo deste ano, o número de pessoas com até um salário mínimo mensal aumentou em 2 milhões. Hoje, eles representam 55,6% dos que atuam por conta própria.

🗞 Ministro da Justiça reduz verbas para SP, MG e Rio, e reforça DF — O ministro Anderson Torres refez os cálculos da partilha do Fundo Nacional de Segurança Pública e aumentou os repasses para o DF, onde pretende disputar vaga a deputado, e reduziu para estados mais populosos.

🗞 Desenvolvimento de economia sustentável ganha força na Amazônia.

FOLHA

🗞 Votação da PEC dos Precatórios deve demorar — O governo não tinha até ontem voto suficiente para o segundo turno da PEC dos Precatórios, na Câmara, nem no STF para derrubar liminar contra emendas. Nada deve ocorrer até o julgamento do STF sobre o tema, na terça.

 

🗓 AGENDA ECONÔMICA 🗓

– FGV: IGP-DI de outubro deve avançar 1,28% (8h)
– FGV: IPC-S da 1ª quadrissemana de novembro (8h)
– Boletim Focus (8h25)
– EUA: Presidente do Fed, Jerome Powell, abre evento do próprio BC sobre gênero e economia (12h30)
– Balança comercial semanal (15h)
(fonte BDM)

Deixe um comentário