Criptomoeda do São Paulo Futebol Clube começa a ser vendida no Mercado Bitcoin

LinkedIn

O Mercado Bitcoin chega à listagem do quarto fan token de time brasileiro. Depois do Sport Club Corinthians Paulista, do Clube Atlético Mineiro e do Clube de Regatas do Flamengo, agora, é a vez do São Paulo Futebol Clube. O ativo digital do Tricolor Paulista estará na exchange a partir do dia 16 de novembro.

O $SPFC, ticker do ativo, foi lançado no dia 9 de novembro por US$ 2 pela Socios.com. Para comprar o FT, o torcedor deve ser cliente do Mercado Bitcoin, mas não precisa fazer um depósito mínimo.

Bruno Milanello, executivo de novos negócios do Mercado Bitcoin, lembra que a exchange tem listado agora os tokens dos três clubes de maior torcida do Brasil.

“O São Paulo tem a terceira maior torcida do Brasil, logo atrás de Flamengo e Corinthians. E a gente ainda tem o do Galo, líder do Brasileirão deste ano,” explica Milanello. Apesar de não ter tido ainda a possibilidade de jogar no Morumbi com capacidade total, por causa da pandemia, o São Paulo tem duas das 10 maiores bilheterias do Brasileirão deste ano.

Como todos os fan tokens, o do São Paulo permite o engajamento do torcedor por meio de votações ou a participação de eventos especiais. A primeira ação é uma enquete para os detentores dos tokens escolherem seis frases que serão posicionadas no anel superior do Estádio do Morumbi.

O outro evento, ainda em andamento, é um quiz sobre momentos históricos do clube, o que possibilitará ganhar camisas autografadas e outros produtos oficiais.

Além de times brasileiros, o Mercado Bitcoin tem listado os fan tokens de algumas das maiores equipes do mundo, como PSG e Barcelona. A exchange ainda criou os tokens do Vasco e do Santos, que são lastreados no direito que os dois times têm sobre alguns jogadores que ele formou.

A base desses ativos é  o mecanismo de solidariedade da Fifa, o qual estabelece que um percentual de até 5% sobre cada transferência do jogador seja retornado ao clube que formou esse profissional entre os 12 e os 23 anos de idade.

Black Friday

Além disso a exchange também anunciou uma promoção chamada “Esquenta Black Week 2021”, que zera as taxas de compra e venda de cinco ativos listados na plataforma.

A ação, que termina à meia-noite do dia 21, vale para todos os clientes do Mercado Bitcoin e envolve cinco criptoativos: Chainlink (LINK), OMG Network (OMG), AAVE (AAVE), Barcelona Fan Token e Natus Vincere Fan Token (NAVIFT).

Tanto a Chainlink quanto a OMG atuam dentro da rede Ethereum. Enquanto que a LINK facilita contratos entre diversas plataformas, a OMG ajuda na escalabilidade da rede Ethereum. A AAVE, que também está na Ethereum, é a criptomoeda da principal plataforma de empréstimos descentralizados.

Os outros dois criptoativos são fan tokens, ou seja, servem para engajar o torcedor, que pode votar em eventos das equipes ou participar de promoções especiais. O fan token do Barcelona dispensa apresentações. O Natus Vincere, da Ucrânia, é uma das principais organizações voltadas para os esportes eletrônicos, como o Counter-Strike, do mundo.

“O legal dessa promoção é que ela traz criptomoedas de segmentos diferentes e com  atuações completamente distintas. Dá para o torcedor de futebol se engajar junto às ações do Barcelona, assim como o investidor pode comprar a criptomoeda de uma plataforma de DeFi, a AAVE”, disse Ana Antunes, head de Marketing & CRM do Mercado Bitcoin.

Ainda segundo ele a empresa planeja uma série de ações para nossos clientes conhecerem novos ativos e também para “dar aquele empurrãozinho para quem está querendo começar”.

Por Cassio Gusson

Deixe um comentário