Sanepar: governador decreta reconhecimento de continuidade da situação de emergência hídrica no Paraná por 90 dias

LinkedIn

A Sanepar informou que o Governador do Estado do Paraná decretou o reconhecimento da continuidade da situação de emergência hídrica na região Metropolitana de Curitiba e nas regiões Oeste e Sudoeste do Estado do Paraná, considerando o uso prioritário dos recursos hídricos para o consumo humano e dessedentação de animais, tendo em vista a necessidade de ações que ampliem o volume de água armazenado nos reservatórios e de recarga de aquíferos, ainda como reflexo da estiagem que perdura no Paraná há mais de 2 (dois) anos.

O comunicado foi feito pela companhia (BOV:SAPR11) nesta segunda-feira (08).

O Grupo de Trabalho deverá acompanhar e produzir relatório da situação, com frequência trimestral, avaliando o volume de água nos reservatórios que integram o Sistema de Abastecimento Integrado de Curitiba – SAIC e o da recarga dos aquíferos das regiões Oeste e Sudoeste, indicando tecnicamente o momento de ampliação ou revogação deste ato.

O Decreto aponta, ainda, as atribuições dos órgãos e entidades do Estado do Paraná em relação à situação hídrica.

As prestadoras de serviço de saneamento das regiões mencionadas ficam autorizadas a executar como ação mitigadora rodízio de 24 horas considerado da interrupção até a retomada do abastecimento, com prazo para normalização de até mais 24 horas.

Tais limites podem ser extrapolados em situações emergenciais de manutenção ou decorrentes de caso fortuito e força maior, devendo ser comunicadas para a população e órgãos de fiscalização.

O decreto vigorará pelo prazo de 90 (noventa) dias, podendo ser revisto a qualquer momento, a depender da evolução da situação.

Deixe um comentário