Dow Jones saltou 560 pontos na terça-feira com o mercado se recuperando de 3 dias de queda

LinkedIn

Os principais índices subiram acentuadamente na terça-feira (21), após três dias de perdas em meio a temores sobre a variante Ômicron da Covid-19, que se espalhou rapidamente.

O Dow Jones ganhou 560,54 pontos, ou +1,60%, para 35.492,70, ajudado por ganhos da Nike e na Boeing. O S&P 500 saltou 1,78%, para 4.649,23, com nove dos 11 setores registrando ganhos. O Nasdaq Composite adicionou 2,40% a 15.341,09 pontos. O benchmark de Small Caps Russell 2000 subiu 2,4% em seu melhor dia desde julho.

As ações vinculadas à reabertura econômica, como companhias aéreas, cruzeiros e ações de entretenimento, dispararam na terça-feira. A Delta Air Lines subiu 5,9%, a United Airlines subiu 6,9% e a Carnival Corp. adicionou 8,7%. Las Vegas Sands cresceu 8,4%. A Boeing subiu 5,9%.

O presidente Joe Biden disse em um discurso na terça-feira que as pessoas com doses de reforço são “altamente protegidas”, pedindo aos americanos que tomem suas doses extras. O presidente reiterou que os EUA não vão voltar a março de 2020, no auge do surto inicial, quando o país entrou em um bloqueio forçado.

Biden disse que seu governo vai enviar 1.000 médicos do exército para fazer backup de hospitais caso eles enfrentem uma onda de pacientes com Ômicron em janeiro e fevereiro. A Casa Branca também está comprando 500 milhões de testes caseiros de Covid-19 que os americanos podem solicitar gratuitamente por meio de um site a partir do próximo ano.

As ações voltaram de uma seqüência de três dias de quedas estimuladas pelo aumento de casos da Ômicron, que respondeu por 73% das novas infecções nos EUA na semana passada, disseram autoridades federais de saúde na segunda-feira. O S&P 500 registrou sua pior extensão de três dias desde setembro na segunda-feira.

As ações da Micron subiram mais de 10% depois que a fabricante de chips de memória divulgou lucros muito melhores do que o esperado no trimestre anterior e deu uma orientação otimista. NXP Semiconductors e Advanced Micro Devices ganharam 1,8% cada.

As  ações da Nike saltaram mais de 6% depois que a fabricante de tênis relatou lucros e vendas trimestrais que excederam as expectativas dos analistas, apesar das contínuas pressões da cadeia de suprimentos. Outros varejistas como Gap, Dick’s Sporting Goods e Macy’s também ganharam.

O rendimento do Tesouro de 10 anos se recuperou para perto de 1,5% depois que as preocupações com a Ômicron em desacelerar a recuperação o derrubou para 1,36% no final da semana passada. O petróleo saltou 2,5% para mais de US$ 70 o barril, estimulando uma recuperação em nomes de energia como Devon Energy, ConocoPhillps e Chevron.

O aumento de casos de Ômicron manteve os investidores em alerta com a variante agora encontrada em pelo menos 43 estados dos EUA e 90 países. Funcionários da Organização Mundial de Saúde disseram que a Ômicron é mais contagiosa do que qualquer variante anterior da Covid-19.

O Dow Jones caiu mais de 400 pontos em sua terceira sessão de queda consecutiva na segunda-feira. O S&P 500 e o Nasdaq Composite caíram mais de 1% na segunda-feira. O Dow Jones perdeu quase 1.000 pontos nas três sessões anteriores.

Os investidores também avaliaram as perspectivas da agenda econômica de Biden. O Senado votará a ampla rede de segurança social de Biden e o projeto de lei de política climática em janeiro, apesar da oposição do senador democrata Joe Manchin. Não está claro se os democratas tentarão aprovar um projeto de lei menor que inclua apenas partes do pacote completo.

Deixe um comentário