Dólar fecha em queda, impactado pela alta global das commodities e forte fluxo estrangeiro na bolsa brasileira

LinkedIn

O dólar comercial fechou em queda de 1,56%, cotado a R$ 5,0280. A moeda norte-americana perdeu durante toda a sessão, impactada pela alta global das commodities e forte fluxo estrangeiro na bolsa brasileira.

Segundo o estrategista-chefe do Banco Mizuho, Luciano Rostagno, “após movimento de forte aversão ao risco, causado pela invasão russa à Ucrânia, a percepção é que em termos relativos o Brasil deve ser menos afetado. Nossa relação comercial com a Rússia se limita à importação de fertilizantes, e não sofremos com a questão dos refugiados”.

“O preço mais alto do petróleo pode fazer com que o Banco Central (BC) estenda o ciclo de aperto monetário”, visualiza Rostagno.

Por mais que o real esteja passando por um viés de valorização, isso pode virar rapidamente: “No momento em que a aversão ao risco aumentou, o real foi uma das moedas que mais se desvalorizaram frente ao dólar, o que indica que um novo cenário de aversão pode afetar abruptamente o real”, alerta Rostagno.

De acordo com o head de análise macroeconômica da GreenBay Investimentos, Flávio Serrano, “a valorização das commodities, em especial o minério de ferro, cria um movimento de correção ante a forte queda observada no final da última semana”.

Serrano vai além: “Também tem a questão do fluxo. O real hoje é o destaque entre as emergentes, apesar dos riscos geopolíticos e da situação fiscal interna. No curto prazo, até pelos juros praticados aqui, a moeda tem tudo para continuar valorizada. Estamos caminhando novamente para os R$ 5,00”, projeta.

Para o economista-chefe da Nova Futura, Nicolas Borsoi, “apesar do fortalecimento global do dólar, a entrada forte de fluxos financeiros deve seguir beneficiando o real”.

Borsoi acredita que as indefinições nas negociações entre Rússia, assim como as expectativas do discurso do presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, no Senado, às 12h, favorecem a alta das commodities e queda global das bolsas.

Data Compra Venda Variação Variação
2/03/2022  5,1068 5,1073 -0,939% -0,0484
3/03/2022  5,0275 5,028 -1,553% -0,0793

💵 Está pensando em viajar? Faça a conversão de moedas gratuitamente!

🇧🇷 – US$ 1 = R$ 5,02

🇪🇺 – US$ 1 = €$ 0,90

🇬🇧 – US$ 1 = £$ 0,74

Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com

(Com informações da TC, UOl e Agencia CMA)

Deixe um comentário