Fechamento Ibovespa: Bolsa fecha em alta de 0,71% e todos os destaques de hoje (19/05/2022)

LinkedIn

O Ibovespa fechou em cenário positivo, com alta de 0,71%, a 107.005 pontos, após um pregão marcado por volatilidade no mercado acionário de Nova York. Por aqui, as empresas de commodities se destacam e impulsionam o índice após o lockdown na China mostrar leve melhora.

Na agenda macroeconômica, o Ministério da Economia piorou as projeções oficiais para o desempenho da inflação e deixou inalteradas as estimativas para a atividade econômica neste ano e em 2023.

Para a inflação medida pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), a estimativa da equipe econômica subiu para 7,90% em 2022, contra 6,55% da projeção feita em março. Para 2023, o patamar subiu de 3,25% para 3,60%.

Em relação ao Produto Interno Bruto (PIB), foi mantida a estimativa de uma alta de 1,5% em 2021. De acordo com o secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Pedro Calhman, a projeção já considera efeitos do aperto monetário realizado pelo Banco Central.

No cenário corporativo, as mineradoras e siderúrgicas passaram o dia no campo positivo, com Vale (VALE3) fechando em alta de 2,66%. O destaque, no entanto, ficou para os papéis da CSN Mineração (CMIN3) e CSN (CSNA3), que anunciaram a recompra de 164 milhões de ações. Os ativos subiram 9,07% e 7,20%.

As ações da Eletrobras (ELET3 e ELET6) também mostraram valorização na sessão, de 3,03% e 2,54%, após o TCU (Tribunal de Contas da União) aprovar o processo de privatização da estatal na noite de ontem (19).

Do lado oposto do índice, a Petz (PETZ3) fechou em queda de 5,02%, enquanto a Hapvida (HAPV3) não conseguiu reverter o movimento de queda de ontem e recuou 4,11%.

Nos Estados Unidos, os índices operaram com forte volatilidade durante as negociações e fecharam em queda. O Dow Jones perdeu 0,75% a 31.253 pontos; o S&P 500 recuou 0,58%, a 3.900 pontos; e o Nasdaq caiu 0,26% a 11.388 pontos.

Os efeitos da inflação elevada estão contaminando a economia e gerando calafrios nos investidores, depois que números das principais varejistas dos Estados Unidos mostraram redução no consumo de itens mais caros e que geram maior margem de lucro para as empresas.

Os investidores derrubaram em quase 25% as ações da Target ontem (19), quando a companhia divulgou que seu lucro caiu pela metade. Os papéis do Walmart cederam mais de 17% desde a divulgação de resultados fracos na terça-feira (18). Hoje, os papéis continuam em queda de 5,06% e 2,74%.

O dólar recuou 1,28% nas negociações de hoje, com os investidores voltando sua atenção para os ativos brasileiros em meio a preocupações com a inflação do exterior. A moeda fechou cotada a R$ 4,9167.

➡️ Veja o fechamento desta quinta-feira:

🇧🇷 IBOV: +0,71% a 107.005 pts
🏢 IFIX: -0,04% a 2.776 pts
💵 Dólar: -1,30% a R$ 4,91
💶 Euro: -0,18% a R$ 5,20
💰Bitcoin: +1,42% a R$ 148.488

🇺🇸 Nova York

Dow Jones: -0,75% a 31.253 pts
S&P 500: -0,58% a 3.900 pts
Nasdaq: -0,26%, a 11.388 pts

Acompanhe as altas e baixas da bolsa nos últimos dias:

Data Variação Pontuação Volume Financeiro
02/05/2022  1,15%  106.638,64 R$ 32,8 bilhões
 03/05/2022 – 0,10%  106.528,09 R$ 28 bilhões
04/05/2022 1,70% 108.343,74 R$ 36,9 bilhões
05/05/2022 -2,81% 105.304,19 R$ 36,1 bilhões
06/05/2022 -0,16% 105.134,73 R$ 35,9 bilhões
09/05/2022 -1,79%  103.250,02 R$ 33,5 bilhões
10/05/2022  0,14%  103.109,94 R$ 29,4 bilhões
11/05/2022  1,25% 104.396,90 R$ 33,3 bilhões
12/05/2022 1,24% 105.687,64 R$ 29,1 bilhões
13/05/2022  1,17%  106.924,18  R$ 31,5 bilhões
16/05/2022 1,22% 108.232,74 R$ 28,8 bilhões
17/05/2022 0,51% 108.789,33  R$ 32,3 bilhões
18/05/2022  -2,34% 106.247,15 R$ 29,9 bilhões
19/05/2022  0,71%  107.005,22 R$ 24,7 bilhões

DESTAQUES DO IBOVESPA – (pregão à vista)

  • ALTAS IBOVESPA

CMIN3: +9,07% a R$ 4,45
CSNA3: +7,20% a R$ 18,90
CASH3: +5,64% a R$ 2,06
LWSA3: +5,52% a R$ 7,07
BIDI11 +5,31% a R$ 15,08

  • BAIXAS IBOVESPA

PETZ3: -5,20% a R$ 12,76
HAPV3: -4,11% a R$ 6,53
WEGE3: -3,41% a R$ 25,53
DXCO3: -3,05% a R$ 11,43
VBBR3: -2,04% a R$ 19,18

Confira o ranking completo de todos os papéis negociados na B3.

  • 💥 Confira os destaques corporativos de hoje 💥

    3R Petroleum (RRRP3)

    A agência de classificação de risco S&P Global Ratings, uma das principais do mundo, alterou a perspectiva do rating de crédito de emissor de longo prazo da 3R de “estável” para “positiva”. Ao mesmo tempo, reafirmou o rating “brA-” na Escala Nacional Brasil da empresa. Saiba mais…

    BR Properties (BRPR3)

    A BR Properties celebrou contratos para venda de imóveis pelo valor de R$ 5,921 bilhões para veículos do grupo canadense Brookfield. Saiba mais…

    Carrefour (CRFB3)

    O tribunal do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) analisará em 25 de maio a aquisição do Grupo BIG Brasil pelo Carrefour Brasil, segundo pauta da sessão divulgada no Diário Oficial da União desta quinta-feira. Saiba mais…

    Cemig (CMIG3/CMIG4)

    A agência de classificação de riscos Moody’s elevou os ratings corporativos da Cemig e das suas subsidiárias integrais Cemig Distribuição e Cemig Geração e Transmissão na escala global, passando de “Ba3“ para “Ba2” com perspectiva “estável”. Saiba mais…

    CSN (CSNA3)

    A CSN aprovou a abertura de um novo programa de recompra de ações de emissão da companhia de até 58 milhões de ações ordinárias, representativas de 9,84% de 589.695.175 ações em circulação nesta data. Saiba mais…

    CSN Mineração (CMIN3)

    O conselho de administração da CSN Mineração aprovou a abertura de um novo programa de recompra de ações de emissão da companhia. Saiba mais…

    Eletrobras (ELET3/ELET5/ELET6)

    Por sete votos a um, o Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou o processo de privatização da Eletrobras, estatal com foco na geração e transmissão de energia. Saiba mais…

    O governo quer registrar venda da Eletrobras nas bolsas de Nova York e São Paulo na próxima semana, conforme manchete de O Globo. Saiba mais…

    Engie (EGIE3)

    A Engie Brasil Energia celebrou com a Copel Geração e Transmissão, subsidiária da Copel, um termo de compromisso com o objetivo de constituir uma parceria, na qual a Engie terá participação de 51%, para a potencial participação no Leilão de Transmissão Aneel, previsto para ocorrer em 30 de junho de 2022. Saiba mais…

    Grupo Ultra (UGPA3)

    O grupo Ultra passou a compor a lista de interessados na Braskem, que já conta com dois investidores financeiros e outras duas empresas nacionais. Saiba mais…

    Hapvida (HAPV3)

    A Hapvida anunciou um novo programa de recompra de ações. Saiba mais…

    A Hapvida concluiu a liquidação financeira de sua 3ª emissão de debêntures em série única. Saiba mais…

    Neoenergia (NEOE3)

    A Neoenergia apresentou pedido de registro à CVM de oferta pública de aquisição de ações ON, PNA e PNB da Neoenergia Pernambuco (Celpe) para conversão de registro de emissor Categoria A para Categoria B. Saiba mais…

    Petrobras (PETR3/PETR4)

    A Petrobras comunicou que avalia, junto da empresa de energia norueguesa Equinor, a viabilidade ambiental de um parque eólico offshore em Aracatu, na Bacia de Campos, a 20 quilômetros da costa, com capacidade de geração de 4 gigawatts (GW). Saiba mais…

    (Com informações da CMA, Forbes Money e Momento B3)

Deixe um comentário