Fechamento Ibovespa: Bolsa fecha em leve alta de 0,21% e todos os destaques de hoje (24/05/2022)

LinkedIn

A troca de comando na Petrobras e o clima de aversão a risco em Nova York pesaram no Ibovespa, mas o índice virou no final da sessão e fechou em leve alta de 0,21%, aos 110.580 pontos. O principal índice brasileiro chegou a recuar 1,55% pela manhã, testando os 108 mil pontos.

A saída de José Mauro Ferreira Coelho da presidência da Petrobras (PETR3 e PETR4), anunciada depois do fechamento de ontem (23), repercutiu nas negociações desta terça. Em seu pior momento, as ações da petrolífera ficaram entre as maiores perdas do dia, com quedas próximas de 4%.

Esta foi a terceira mudança na presidência da estatal motivada pela política de paridade internacional do preço dos combustíveis. Segundo o Citi, a situação “cria um risco em torno da continuidade” da estratégia de longo prazo da companhia.

As ações da Petrobras fecharam com perdas de 2,83%, a R$ 34,40 (PETR3), e recuo de 2,89%, a R$ 31,60 (PETR4).

Também cooperou para o movimento negativo do Ibovespa o clima de aversão a risco em Wall Street. O setor de tecnologia viveu um dia de sangria em resposta ao anúncio da Snap (SNAP) de que deve descumprir as metas de receita e lucro para o segundo trimestre devido ao cenário macroeconômico

Outras empresas de mídia social sentiram o peso dessa perspectiva e também registraram fortes quedas no dia. Meta Platforms (FB), Twitter (TWTR) e Alphabet (GOOG) recuaram 7,62%, 5,55% e 5,15%, respectivamente.

Gigantes de tecnologia não conseguiram escapar do movimento de queda e fecharam em baixa: a Tesla (TSLA) recuou 6,93%, a Apple (AAPL), -1,92%, e a Amazon (AMZN), -3,21%.

O índice Nasdaq encerrou o dia com queda de 2,35%. O S&P 500 também acompanhou a perda e fechou com recuo de 0,79%. O Dow Jones fechou estável, com variação positiva de 0,16%.

Por aqui, o dia também contou com a divulgação da prévia da inflação oficial. O IPCA-15 desacelerou para 0,59% em maio, frente a uma expectativa do consenso de 0,43%. Analistas apontam que a alta dos preços continua persistente e disseminada, representando um risco de prolongamento do ciclo altista dos juros.

A ponta de maiores baixas do Ibovespa no dia teve aéreas e turismo em destaque: a CVC (CVCB3) caiu 6,30%, a Azul (AZUL4) perdeu 5,78% e a Embraer (EMBR3) recuou 5,61%.

Já do lado das altas, petroleiras e empresas de energia fecharam com ganhos: PetroRio (PRIO3) subiu 3,90%, Equatorial (EQTL3) ganhou 3,56% e 3R Petroleum (RRRP3) somou 3,39%.

O dólar reagiu ao movimento de aversão a risco nos EUA e subiu 0,15% nas negociações de hoje, fechando cotado a R$ 4,8118.

➡️ Veja o fechamento desta terça-feira:

🇧🇷 IBOV: +0,21% a 110.580 pts
🏢 IFIX: +0,06% a 2.791 pts
💵 Dólar: +0,16% a R$ 4,81
💶 Euro: +0,62% a R$ 5,16
💰Bitcoin: +0,05% a R$ 142.386

🇺🇸 Nova York

Dow Jones: +0,15% a 31.928 pts
S&P 500: -0,81% a 3.941 pts
Nasdaq: -2,35%, a 11.264 pts

Acompanhe as altas e baixas da bolsa nos últimos dias:

Data Variação Pontuação Volume Financeiro
02/05/2022  1,15%  106.638,64 R$ 32,8 bilhões
 03/05/2022 – 0,10%  106.528,09 R$ 28 bilhões
04/05/2022 1,70% 108.343,74 R$ 36,9 bilhões
05/05/2022 -2,81% 105.304,19 R$ 36,1 bilhões
06/05/2022 -0,16% 105.134,73 R$ 35,9 bilhões
09/05/2022 -1,79%  103.250,02 R$ 33,5 bilhões
10/05/2022  0,14%  103.109,94 R$ 29,4 bilhões
11/05/2022  1,25% 104.396,90 R$ 33,3 bilhões
12/05/2022 1,24% 105.687,64 R$ 29,1 bilhões
13/05/2022  1,17%  106.924,18  R$ 31,5 bilhões
16/05/2022 1,22% 108.232,74 R$ 28,8 bilhões
17/05/2022 0,51% 108.789,33  R$ 32,3 bilhões
18/05/2022  -2,34% 106.247,15 R$ 29,9 bilhões
19/05/2022  0,71%  107.005,22 R$ 24,7 bilhões
20/05/2022 1,39%  108.487,8 R$ 31 bilhões
23/05/2022 1,71%  110.345,82 R$ 26,1 bilhões
24/03/2022  0,21%  110.580,79 R$ 30,2 bilhões

DESTAQUES DO IBOVESPA – (pregão à vista)

  • ALTAS IBOVESPA

PRIO3: +3,90% a R$ 27,19
EQTL3: +3,56% a R$ 24,17
RRRP3: +3,39% a R$ 45,20
SLCE3: +3,26% a R$ 53,80
ENGI11 +2,85% a R$ 46,17

  • BAIXAS IBOVESPA

CVCB3: -6,30% a R$ 11,30
AZUL4: -5,78% a R$ 20,69
EMBR3: -5,61% a R$ 12,11
AMER3: -4,94% a R$ 22,88
BPAN4: -4,24% a R$ 8,14

Confira o ranking completo de todos os papéis negociados na B3.

  • 💥 Confira os destaques corporativos de hoje 💥

    3 Tentos (TTEN3)

    A gaúcha 3tentos, que atua no varejo de insumos agrícolas, comercialização de grãos e industrialização, deve somar até 2025 investimento de R$ 700 milhões no Estado de Mato Grosso. Saiba mais…

    Ânima Educação (ANIM3)

    A Ânima Educação anunciou a criação do Ânima Ventures, fundo de corporate venture capital (CVC) com a previsão de investimento de R$ 150 milhões ao longo dos próximos 10 anos em startups. Com isso, a companhia investirá não somente em edtechs (voltadas para soluções em educação), mas também em startups de diferentes setores. Saiba mais…

    Banco Pan (BPAN4) 

    O Banco Pan abre um novo braço de atuação, cruzando a fronteira da saúde. Saiba mais…

    Banco Pine (PINE4) 

    O Banco Pine teve o aumento de capital aprovado pelo Banco Central. Saiba mais…

    Cemig (CMIG3/CMIG4)

    A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou a prorrogação, por 15 dias, das tarifas atuais aplicadas pela Cemig, distribuidora que atende aproximadamente 8,8 milhões de unidades consumidoras em Minas Gerais. Saiba mais…

    Cosan (CSAN3)

    A Cosan informou que sua subsidiária Moove comprou a PetroChoice, distribuidora e comercializadora de lubrificantes da marca Mobil e de marcas proprietárias no mercado americano. Saiba mais…

    CPFL Energia (CPFE3)

    A CPFL Energia informa que entrou em operação o empreendimento de Maracanaú, com a obtenção do Termo de Liberação Definitivo emitido pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) para as instalações. Saiba mais…

    Cyrela (CYRE3)

    A Cyrela Brazil Realty, criou uma gestora própria, a Cy Capital, para fazer investimentos no mercado imobiliário que vão além do setor de incorporação residencial e são intensivos em capital. A ideia é aproveitar oportunidades interessantes que passam pelos olhos da direção da Cyrela, mas que ficam de fora dos aportes porque não fazem parte de seu escopo principal, que é construir imóveis residenciais para venda. Saiba mais…

    Embraer (EMBR3)

    A Embraer tomou conhecimento nesta data da intenção da União de reduzir “unilateralmente” para 15 o número total de aeronaves firmados em 2014 entre a União, a Embraer e uma de suas subsidiárias. Saiba mais…

    Gol (GOLL4)

    A Gol divulgou novas ações dentro do processo de aumento de capital da companhia. Saiba mais…

    Inter (BIDI11)

    O Banco Inter encerrou o período de opção, durante o qual os acionistas do Inter que eram titulares de ações de sua emissão em 15 de abril deste ano.

    O Inter informou que a solicitação para opção cash-out (de receber o valor das ações em dinheiro) pelos acionistas ficou em R$ 1,131 bi (10% do total em circulação). Saiba mais…

    Petrobras (PETR3/PETR4)

    O presidente Jair Bolsonaro demitiu o terceiro presidente da Petrobras, José Mauro Coelho, com pouco mais de 40 dias no cargo. A fritura de Coelho foi antecipada pelo Estadão no dia 13 de maio, assim como a preferência por Caio Paes de Andrade, secretário especial de desburocratização do Ministério da Economia para substituí-lo, o que foi formalizado nesta segunda-feira, 23. Saiba mais…

    A demissão de José Mauro Coelho do comando da Petrobras é a primeira de uma série de mudanças que o governo vai fazer na petroleira. Além de demitir Coelho, o ministro de Minas Energia, Adolfo Sachsida, vai fazer mudanças no conselho de administração da estatal. Saiba mais…

    Um dia após a nova troca de comando na Petrobras, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou que o governo federal deseja dar “previsibilidade” aos reajustes dos combustíveis anunciados pela Petrobras. Saiba mais…

    Raízen (RAIZ4)

    Raízen e Cocal firmaram parceria na operação de uma planta de energia elétrica voltada para consumidores de Geração Distribuída. A unidade deve começar a funcionar até junho, e a expectativa é de receita na casa dos R$ 20 milhões por safra com esse modelo, a depender do público e volume atingidos. Saiba mais…

    Randon (RAPT4) 

    A Randon aprovou, por meio de seu conselho de administração, a aprovação de obtenção de diferentes captações. Saiba mais…

    TC (TRAD3) 

    A TC divulgou que a RIWeb, empresa adquirida em outubro de 2021, lançou sua nova marca e passa a se chamar Prisma. Saiba mais…

    Vale (VALE3)

    A Vale foi a nona maior pagadora de dividendos do mundo no primeiro trimestre de 2022, segundo relatório da gestora britânica Janus Henderson. Saiba mais…

    (Com informações da CMA, Forbes Money e Momento B3)

Deixe um comentário