Cardano Vasil Hard Fork agora é ‘inevitável' após teste ‘bem-sucedido'

LinkedIn

A tão esperada atualização Vasil da Cardano (BINA:ADAUSDT), que visa melhorar a escalabilidade e o desempenho da rede, passou pela testnet “com sucesso” e deve ser implantada na rede principal em um mês.

A Input Output Hong Kong (IOHK), empresa de pesquisa e desenvolvimento que desenvolveu o blockchain Cardano, anunciou no domingo que,

“Estamos felizes em informar que hoje às 21:20 (horário de Brasília) a equipe IOG fez um hard fork da Cardano Testnet com sucesso. Este é um próximo passo importante na jornada para a atualização do Vasil na rede principal.”

A equipe também pediu aos operadores de pool de participação (SPOs) e desenvolvedores que construíam no blockchain para iniciar os processos finais de teste e integração. “Vasil é um programa de trabalho complexo. Os projetos precisarão verificar a compatibilidade com versões anteriores e os SPOs precisarão fazer alguns ajustes de script”, disse IOHK.

Horas após o lançamento do testnet, Cardalonia, um metaverso no blockchain Cardano, também anunciou que o lançamento foi um sucesso, acrescentando que o hard fork agora é “inevitável”.

Espera-se que o hard fork Vasil seja implantado na rede principal quatro semanas após sua implementação na rede de teste, o que significa que a atualização pode ser lançada no início de agosto.

A atualização, que segue o hard fork Alonzo, que habilita o contrato inteligente, visa trazer atualizações significativas de desempenho e capacidade para Cardano. A atualização alcançará isso melhorando o desempenho e a eficiência do script, bem como reduzindo os custos.

A atualização foi inicialmente programada para ser lançada em 29 de junho. No entanto, em uma postagem no blog, a IOHK confirmou que haveria um pequeno atraso.

Enquanto isso, às 15h37 de segunda-feira (horário de Brasília), a 8ª moeda por capitalização de mercado, ADA, subiu 0,77% nas últimas 24 horas, sendo negociada a US$ 0,4589. Caiu 5% em uma semana e 17% em um mês.

Com informações de CryptoNews

Deixe um comentário