Dólar fecha com leve alta, após os dados do payroll

LinkedIn

O dólar teve uma sessão volátil nesta sexta-feira, pressionado pelo cenário externo, com a moeda subindo frente aos pares após os dados do payroll. Porém, o fluxo gringo para a bolsa brasileira evitou um avanço maior do câmbio por aqui.

O mercado externo reagiu mal à queda da taxa de desemprego nos EUA, de 3,7% para 3,5%, contrariando a expectativa de estabilidade. O mercado de trabalho aquecido abre espaço para uma nova alta de 75 pb pelo Fed. Por aqui, dados da B3 mostram que o fluxo gringo para a bolsa segue elevado, ainda na esteira do rali eleitoral pós 1º turno.

No dia 5, os estrangeiros investiram R$ 576,87 milhões em ações brasileiras, acumulando aporte de mais de R$ 4,2 bilhões em outubro e ajudando o dólar a acumular baixa expressiva na semana.

O dólar à vista subiu 0,05%, para R$ 5,2125, após oscilar entre R$ 5,1961 e R$ 5,2515. Na semana, a moeda recuou 3,38%. Às 17h15, o dólar futuro para novembro caía 0,28%, para R$ 5,2335.

Lá fora, o índice DXY tinha alta de 0,47%, para 112,785 pontos. O euro caía 0,56%, para US$ 0,9738. E a libra perdia 0,75%, para US$ 1,1081.

Data Compra Venda Variação Variação
03/10/2022 5,1732 5,1737 -4,095% -0,2209
04/10/2022 5,167 5,168 -0,11% -0,0057
05/10/2022 5,183 5,184 0,31% 0,016
06/10/2022 5,2094 5,2099 0,5% 0,0259
07/10/2022 5,212 5,2125 0,025% 0,0026

💵 Está pensando em viajar? Faça a conversão de moedas gratuitamente!

🇧🇷 – US$ 1 = R$ 5,21

🇪🇺 – US$ 1 = €$ 1,02

🇬🇧 – US$ 1 = £$ 0,90

Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com

(Com informações da BDM, UOl e Agencia CMA)

Deixe um comentário