Binance desiste do resgate da FTX, deixando a exchange de criptomoedas à beira do colapso

LinkedIn

A Binance está desistindo de seus planos de adquirir a FTX, disse a empresa na quarta-feira, deixando o império de criptomoedas de Sam Bankman-Fried à beira do colapso.

A reversão ocorre um dia depois que o CEO da Binance, Changpeng Zhao, anunciou que a maior empresa de criptomoedas do mundo chegou a um acordo não vinculativo para comprar os negócios fora dos EUA da FTX por um valor não divulgado, resgatando a empresa de uma crise de liquidez. No início deste ano, a FTX foi avaliada em US$ 32 bilhões por investidores privados.

Na noite de segunda-feira, Bankman-Fried estava “correndo” para levantar dinheiro de capitalistas de risco e outros investidores antes de ir para a Binance, segundo fontes com conhecimento do assunto. Não está claro quem é o próximo na fila para comprar a sitiada exchange de criptomoedas.

A aquisição fracassada da quarta maior exchange do mundo é o capítulo mais recente de um colapso chocante que abalou o mundo das criptomoedas. Bankman-Fried tentou tranquilizar os investidores esta semana que os ativos da empresa estavam bem. Mas depois que Zhao, da Binance, disse publicamente que sua empresa estava vendendo suas participações no token nativo da FTX, FTT, a corrida começou e a FTX não pôde fazer nada para impedi-la.

Bankman-Fried disse na terça-feira que os clientes exigiam saques no valor de US$ 6 bilhões.

Criptomoedas despencaram, com bitcoin (COIN:BTCUSD) caindo 13% na quarta-feira após uma queda semelhante na terça-feira, e Ether (COIN:ETHUSD) caindo mais de 30% nos últimos dois dias.

Confira o comunicado completo da empresa:

“Como resultado de due diligence corporativa, bem como as últimas notícias sobre fundos de clientes mal administrados e supostas investigações de agências dos EUA, decidimos que não buscaremos a potencial aquisição da FTX.com.

No início, nossa esperança era poder oferecer suporte aos clientes da FTX para fornecer liquidez, mas os problemas estão além de nosso controle ou capacidade de ajudar.

Toda vez que um grande player de um setor falha, os consumidores de varejo sofrerão. Vimos nos últimos anos que o ecossistema de criptomoedas está se tornando mais resiliente e acreditamos que, com o tempo, os valores discrepantes que abusam dos fundos dos usuários serão eliminados pelo mercado livre.

À medida que as estruturas regulatórias são desenvolvidas e a indústria continua a evoluir em direção a uma maior descentralização, o ecossistema se fortalecerá.”

Com informações de CNBC

Deixe um comentário