ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for pro Negocie como um profissional: Aproveite discussões em tempo real e ideias que movimentam o mercado para superar a concorrência.

Coluna do TradingView: Mercado para para assiter Powell falar

LinkedIn

Em semana decisiva, presidente Fereral Reserve fala para o Senado e para a Camara nos Estados Unidos. O mercado para para ouvir como ele responderá as perguntas. Ainda essa semana, dados de payroll serão decisivos para a atual situação dos mercados globais.

Leo Senger

Tenho diversas preocupações com a economia global, mas não pude ignorar os fatos técnicos que foram se somando no S&P no curto prazo e que indicam a possibilidade do contrato na CME retomar o movimento de alta e ir testar máximas.

Este fatos técnicos começam com a pernada de (0) a (1) (observação: a ferramenta de elliott foi apenas utilizada para traçar os pontos) onde os preços saíram do ponto (0), nova mínima de preços divergindo no IFR e região da média de 200 períodos, para o ponto (1) onde ocorreu a tentativa de rompimento da LTB formada pelos topos descendentes de janeiro e março de 2022. Preços corrigem em região de fibo, ponto (1) para ponto (2) e reagem rompendo a LTB e fechando acima da média de 50 alcançando o ponto (3).

Neste período diversos outros fatos técnicos estavam ocorrendo no gráfico diário como cruzamento de preço e de médias. Agora o preços corrigem novamente saindo o ponto (3) para o (4) o que para mim é um pullback na LTB rompida para alcançar o ponto (5), região em torno de 4.300, que é uma possível resistência. Passando por ali não vejo motivos para não ir testar as máximas. Me incomodou o fato do índice não ter testado os 4.300 na pernada (2) para (3), mas a realidade nem sempre é como queremos. Inclusive esta semana o ponto (4) poderia ficar levemente mais abaixo, porém acho importante o fechamento semanal no mínimo respeitar o fechamento anterior e melhor fechar acima da média de 21.

Como comentei tenho diversas preocupações com a economia. Inclusive trouxe em outras ideias (ver relacionadas) a curva de uma bolha para o S&P. Não descarto essa possibilidade. O que faço, e demonstro aqui, é traçar um cenário, embasado em fatos, acompanhá-lo e determinar onde ele pode não se concretizar. No caso do S&P coloquei um death zone onde não deveria ocorrer fechamento abaixo dessa região. Caso ocorra, pode ser que a possibilidade da curva de uma bolha vire cenário. Até porque perdendo os 3.500 tem espaço para correr mais uns 10% para baixo sem obstáculos técnicos. (Ver análise na íntegra).

Contabeis Dast

Neste momento, Bradesco está sendo negociado no mesmo preço dos dias de crise de COVID onde as incertezas eram tantas que o mercado mal sabia qual seria o vexame dessa vez.

Desta vez é diferente. Os bearish traders estão pressionando o papel a fim de surfar na onda de resultados ruins de curto prazo. Acredite: Não há justificativa para esse preço em BBDC4. Desta forma, acredito fortemente que o papel deveria estar sendo negociado a pelo menos 10 reais a cota.

Este trade, como uma NTN-F, é uma carta marcada: o papel tem capacidade de seguir pagando bons dividendos (embora os mesmos devam ficar abaixo da taxa básica de juros) mas com capacidade de potencial no TIR através da marcação à mercado na correção do preço quando os short sellers desfizerem suas posições integralmente e larguem a bucha na mão de investidores e fundos de investimentos que chegaram antes das informações privilegiadas que os mesmos que usaram tanto dinheiro para montar posição utilizaram.

Por fim, a compra de Bradesco vai trazer uma boa taxa de carrego e remunerar principalmente no valor do papel quando as noticias negativas forem invalidadas. (Ver o gráfico dinâmico).

G Rangel

Não há dúvidas de que há suporte para esse papel, porém no semanal e no diário os timeframes seguem vendidos.

O contexto do D1 é consolidação. Toda consolidação é uma acumulação ou distribuição… Também existe uma divergência de alta grotesca no RSI. Uma boa entrada poderia ser no breakout dessa consolidação ou um 9.1 seguido de uma bear trap (rompimento falso).

Outro gatilho, poderia ser um candle com muito bullish momentum ativando 9.1 nesse contexto todo. Feito isso, estaria autorizado o início de montagem de posição (1/3 ou 1/2). (Ver mais análises de ações).

Shimatrader

PETR4 parecia que estava forte durante os últimos dias porém parece mais ter sido um movimento de correção pois os volumes observados em dias de baixa foram muito superiores à média.

Com o papel fechando em região onde houve troca de polaridade, não seria surpresa recuando nos próximos dias. O alvo para uma possível continuação do movimento de baixa seria a região dos 23,00. (Ver mais sobre petrobras).

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: Leo Senger CNPI-T, Contabeis Dast, Rangel e Kleber Shimabuku.

Deixe um comentário