ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for default Cadastre-se gratuitamente para obter cotações em tempo real, gráficos interativos, fluxo de opções ao vivo e muito mais.

Estratégias da Meta Platforms para pequenos negócios frente às novas tarifas da Apple

LinkedIn

A Meta Platforms (NASDAQ:META), empresa que controla o Facebook e o Instagram, lançou orientações atualizadas na quinta-feira (15) para as pequenas empresas não pagarem taxas extras para a Apple (NASDAQ:AAPL). A Meta sugere que, ao invés de comprar anúncios pelos aplicativos do Facebook ou Instagram no iPhone, as empresas usem um navegador de internet. Isso é porque a Apple cobra até 30% a mais quando compras são feitas dentro dos seus aplicativos.

A Meta Platforms e a Apple também são negociadas na B3 através das BDRs (BOV:M1TA34) e (BOV:AAPL34).

Essa nova regra da Apple, anunciada em 2022, fez aumentar a rivalidade entre a Apple e a Meta. A Meta já criticou a Apple antes, dizendo que ela dificulta a vida de outras empresas na internet. Mark Zuckerberg, chefe da Meta, também já falou várias vezes contra as regras da Apple para quem vende aplicativos.

Por outro lado, o chefe da Apple, Tim Cook, critica a Meta por como ela usa os dados dos usuários para vender anúncios. Uma mudança feita pela Apple em 2021, que limitou a coleta de dados, já tinha feito a Meta perder muito dinheiro com anúncios.

Outras empresas, como o Spotify e a Epic Games (que faz o jogo Fortnite), também já reclamaram das regras da Apple. Recentemente, a Apple teve que mudar algumas coisas na Europa por causa de novas leis, mas isso também causou polêmica.

A nova regra da Apple vai começar nos Estados Unidos e depois vai para outros países. Ela vai fazer com que as empresas tenham que pagar antes quando comprarem anúncios pelos aplicativos no iPhone. Isso deve afetar mais as pequenas empresas que usam o Facebook e o Instagram para fazer propaganda.

Deixe um comentário