ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for pro Negocie como um profissional: Aproveite discussões em tempo real e ideias que movimentam o mercado para superar a concorrência.

Alibaba planeja venda de US$ 4,5 bilhões em dívidas: impacto nas ações e perspectivas de mercado

LinkedIn

Na quinta-feira, 23 de maio, as ações listadas nos Estados Unidos do Alibaba Group Holding Ltd. (NYSE:BABA) experimentaram queda de mais de 2%, em meio ao anúncio da gigante do comércio eletrônico sediada na China sobre sua intenção de vender US$ 4,5 bilhões em dívidas conversíveis em ações.

As ações do Alibaba enfrentaram quatro dias consecutivos de perdas. Essa tendência coloca as ações no rumo para registrar seu pior desempenho semanal desde agosto de 2023, quando sofreu uma queda de 8%.

O Alibaba também é negociado na B3 através da BDR (BOV:BABA34).

A proposta de venda das notas seniores, com vencimento em 2031, será realizada de forma privada, destinada exclusivamente a “investidores institucionais qualificados”. Essas notas, que poderão ser convertidas em dinheiro, American Depositary Shares (ADS) ou uma combinação de ambos, representam uma estratégia financeira significativa por parte da empresa.

A empresa divulgou que pretende utilizar os recursos provenientes das notas conversíveis para recomprar suas próprias ADS, além de financiar potenciais recompras de ações no futuro. Essa movimentação estratégica reflete os esforços do Alibaba para ajustar sua estrutura de capital e maximizar o valor para os acionistas.

A oferta de US$ 4,5 bilhões representa cerca de 2,3% da atual capitalização de mercado do Alibaba, estimada em aproximadamente US$ 198,4 bilhões. Esse movimento financeiro, embora não represente uma proporção significativa do valor total da empresa, impacta diretamente a confiança dos investidores e a percepção do mercado em relação ao Alibaba.

Em termos de desempenho ao longo do ano, as ações do Alibaba acumularam um aumento de 5,2%, enquanto o iShares MSCI China ETF registrou um aumento de 11,4% e o índice S&P 500 subiu 11,5%. Essa discrepância sugere uma avaliação cautelosa dos investidores em relação ao Alibaba, especialmente diante das recentes mudanças estratégicas da empresa.

Deixe um comentário