Irani Papel e Embalagem registrou lucro líquido de R$ 85,9 milhões no quarto trimestre de 2022 (4T22), montante 35,7% superior ao reportado no mesmo intervalo de 2021, informou a companhia de papel e celulose.

A receita líquida somou R$ 408,4 milhões no quarto trimestre deste ano, uma redução de 1,4% na comparação com igual etapa de 2021.

Ebitda – juros, impostos, depreciação e amortização – ajustado foi de R$ 119,2 milhões, queda de 11,1% na mesma base de comparação, com margem Ebitda de 29,2%, queda de 3,2 pontos percentuais.

O volume de vendas do segmento de Embalagens Sustentáveis (Papelão Ondulado) aumentou 1,5% na comparação com 2021, e totalizou 159,8 mil toneladas em 2022, devido à forte demanda do segmento no ano e também à boa performance das operações industriais e à entrada em operação do Gaia II, que adicionou nova capacidade produtiva.

Já o segmento de Papel para Embalagens Sustentáveis (Papel) totalizou 124,9 mil toneladas de venda, registrando estabilidade quando comparado a 2021.

O segmento Resinas Sustentáveis (Breu e Terebintina) apresentou redução de 11,8%, alcançando 13,7 mil toneladas, devido à redução da demanda e à dinâmica menos favorável deste segmento durante o ano de 2022.

O lucro bruto atingiu a cifra de R$ 192,8 milhões no quarto trimestre de 2022, um aumento de 14,7% na comparação com igual etapa de 2021. A margem bruta foi de 47,2% no 4T22, alta de 6,6 p.p. frente a margem do 4T21.

O retorno sobre o capital investido (ROIC, na sigla em inglês)  foi de 23,0% nos últimos 12 meses, uma redução de 1,5 p.p. em relação aos 12 meses findos em 30 de setembro de 2022 e de 1,9 p.p. frente aos 12 meses findos em 31 de dezembro de 2021. A redução registrada nas comparações deve-se principalmente ao aumento no Capital Investido Ajustado. Esse efeito é natural durante o ramp-up dos Investimentos da Plataforma Gaia, uma vez que o Capex finalizado é adicionado imediatamente ao Capital Investido Ajustado, enquanto os retornos gerados pelos Projetos impactam o Fluxo de Caixa Operacional Ajustado de maneira gradual.

As despesas com vendas em 2022 totalizaram R$ 133.873 mil, um aumento de 23,2% quando comparadas a 2021, e representaram 7,9% da receita líquida consolidada, maior que os 6,8% em 2021, principalmente em função do crescimento de custos fixos e, ainda, das despesas variáveis de vendas como fretes, pressionados pelo aumento dos combustíveis.

As despesas administrativas em 2022 totalizaram R$ 93.969 mil, um aumento de 15,9% quando comparadas a 2021 no montante de R$ 81.094 mil, e representaram 5,6% da receita líquida consolidada, maior que os 5,0% em 2021, em função principalmente do crescimento ordinário dos custos fixos no período.

O resultado financeiro líquido foi negativo em R$ 14,2 milhões no quarto trimestre de 2022, contra R$ 13,2 milhões da mesma etapa de 2021.

O fluxo de caixa livre ajustado, que desconsidera os investimentos na Plataforma Gaia e outros Projetos de Expansão, bem como remunerações aos acionistas, foi de R$ 83,999 milhões no 4T22.

A posição de caixa ao fim de dezembro de 2022 foi de R$ 1.049.208 mil (composta por aplicações financeiras e caixa e equivalentes de caixa) e 85% da dívida bruta está classificada no longo prazo, sendo 98% denominada em reais e 2% denominada em moeda estrangeira.

A Companhia mantém sua estratégia de investir na modernização e na automação dos seus processos produtivos. Os investimentos deste trimestre somaram R$ 106.745 mil e foram basicamente direcionados para reflorestamento, manutenção e melhorias das estruturas físicas, software, máquinas e equipamentos da Companhia. Deste montante, R$ 81.962 mil foram destinados à execução dos investimentos dos Projetos Gaia I, II e III, além de R$ 16.426 mil nos Projetos Gaia VI, VII, VIII e IX.

Em 31 de dezembro de 2022, a dívida líquida da companhia era de R$ 741,9 milhões, um crescimento de 92% na comparação com a mesma etapa de 2021.

O indicador de alavancagem financeira, medido pela dívida líquida/Ebitda ajustado, ficou em 1,38 vez em dezembro de 2022, alta de 0,6 p.p. em relação ao mesmo período de 2021.

Os resultados da Irani (BOV:RANI3) referentes suas operações do quarto trimestre de 2022 foram divulgados no dia 24/02/2023. Confira o Press Release completo!

* Com informações da ADVFN, RI das empresas, Valor, Infomoney

CELULOSE IRANI ON (BOV:RANI3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Fev 2024 até Mar 2024 Click aqui para mais gráficos CELULOSE IRANI ON.
CELULOSE IRANI ON (BOV:RANI3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mar 2023 até Mar 2024 Click aqui para mais gráficos CELULOSE IRANI ON.