Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Produção industrial brasileira recua 2,4% em Novembro de 2015

LinkedIn

De acordo com a Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física (PIM – PF), divulgada mensalmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a produção da indústria brasileira em novembro de 2015 recuou 2,4% na comparação com o mês anterior.

A redução de 2,4% da atividade industrial na passagem de outubro para novembro alcançou três das quatro grandes categorias econômicas e catorze dos vinte e quatro ramos pesquisados, sendo as principais influências negativas registradas por indústrias extrativas (-10,9%) e coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis (-7,8%), com ambos influenciados pelo rompimento da barragem de rejeitos de mineração na região de Mariana (MG) da mineradora Samarco e pela greve dos petroleiros.

Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física (PIM-PF) de 2015

Outras contribuições negativas importantes sobre o total da indústria vieram das atividades de produtos alimentícios (-2,2%), de produtos de minerais não-metálicos (-3,5%), de equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos (-6,0%), de produtos farmoquímicos e farmacêuticos (-3,9%), de produtos do fumo (-14,9%), de outros produtos químicos (-4,4%) e de outros equipamentos de transporte (-3,8%).

Por outro lado, entre os dez ramos que ampliaram a produção nesse mês, os desempenhos de maior importância para a média global foram assinalados por veículos automotores, reboques e carrocerias (1,3%), metalurgia (1,4%), bebidas (1,4%) e perfumaria, sabões, produtos de limpeza e de higiene pessoal (0,7%).

Entre as grandes categorias econômicas, ainda na comparação com o mês imediatamente anterior, bens intermediários (-3,8%) e bens de consumo duráveis (-3,2%) mostraram as reduções mais acentuadas em novembro de 2015. O segmento de bens de capital (-1,6%), que também registrou taxa negativa nesse mês, teve queda menos intensa do que a média nacional (-2,4%).

Por outro lado, o setor produtor de bens de consumo semi e não-duráveis, ao avançar 0,4%, assinalou o único resultado positivo em novembro de 2015, eliminando, dessa forma, parte do recuo de 1,0% verificado no mês anterior.

 

Variação Anual da Produção Industrial

Na série sem ajuste sazonal, no confronto com igual mês do ano anterior, o total da indústria apontou queda de 12,4% em novembro de 2015, vigésima primeira taxa negativa consecutiva nesse tipo de comparação e a
mais acentuada desde abril de 2009 (-14,1%).

Variação da Produção Industrial Acumulada em 2015

No índice acumulado para o período janeiro-novembro de 2015, frente a igual período do ano anterior, o setor industrial mostrou redução de 8,1%, intensificando, portanto, o recuo de 6,0% registrado no primeiro semestre de 2015.

Variação da Produção Industrial Acumulada nos Últimos 12 Meses

A taxa anualizada, indicador acumulado nos últimos doze meses, com a queda de 7,7% em novembro de 2015, assinalou a perda mais intensa desde novembro de 2009 (-9,4%) e manteve a trajetória descendente iniciada em março de 2014 (2,1%).

 

 

Entenda a Pesquisa Industrial Mensal (PIM)

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), através da Pesquisa Industrial Mensal, produz indicadores de curto prazo relativos ao setor industrial brasileiro.

Iniciada na década de setenta, a pesquisa abrange todo o território nacional e é divulgada mensalmente, em duas versões: PIM-PF e PIMES.

A Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física (PIM-PF) avalia o comportamento da produção real mensal nas indústrias extrativa e de transformação do país. O IBGE divulga mensalmente dois relatórios sobre a produção física no Brasil: um nacional e outro regional.

A Pesquisa Industrial Mensal de Emprego e Salário (PIMES) avalia o comportamento do emprego e dos salários nas atividades industriais do país.

Clique aqui e saiba mais detalhes sobre a produção industrial no Brasil

 


 

Notícias Relacionadas

Fabricação de bens intermediários e bens de consumo duráveis puxa a queda mensal da produção industrial brasileira em Novembro de 2015

Pesquisa Industrial Mensal de Novembro de 2015: produção industrial brasileira caiu 12,4% na comparação com mesmo mês do ano anterior

Indústria brasileira acumula queda de produção de 8,1% entre Janeiro e Novembro de 2015

Produção industrial brasileira recua 2,4% em Novembro de 2015


 

Deixe um comentário

Seu Histórico Recente
BOV
VALE5
Vale PNA
BOV
IBOV
iBovespa
BOV
PETR4
Petrobras
BOV
IGBR3
IGB SA
FX
USDBRL
Dólar EUA ..
Ações já vistas aparecerão nesta caixa, facilitando a volta para cotações pesquisadas anteriormente.

Registre-se agora para criar sua própria lista de ações customizada.

Faça o login em ADVFN
Registrar agora

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

Support: (11) 4950 5808 | suporte@advfn.com.br

V: D: 20231001 00:08:59