IPP: Preço de bens de consumo na porta das fábricas subiu 0,28% em Setembro de 2017

LinkedIn

Em setembro de 2017, os preços das indústrias extrativas e de transformação subiram1,50%, valor acima do observado em agosto (0,29%). Entre as Grandes Categorias Econômicas, as variações foram: -0,29% em bens de capital; 2,24% em bens intermediários; e 0,78% em bens de consumo, sendo que 0,48% foi a variação observada em bens de consumo duráveis e 0,88% em bens de consumo semiduráveis e não duráveis.

As influências das grandes categorias econômicas sobre o IPP de setembro foram: -0,03 ponto percentual de bens de capital, 1,25 ponto percentual de bens intermediários e 0,28 p.p. de bens de consumo. No caso de bens de consumo, 0,24 ponto percentual se deveu às variações de preços observadas nos bens de consumo semiduráveis e não duráveis e 0,04 ponto percentual nos bens de consumo duráveis.

Clique aqui para saber mais detalhes sobre a performance do IPP em setembro de 2017.

Na perspectiva do acumulado no ano (mês atual contra dezembro do ano anterior), as variações de preços da indústria acumularam, até setembro, variação de 0,48%, sendo 0,89% a variação de bens de capital (com influência de 0,08 ponto percentual), 1,03% de bens intermediários (0,57 ponto percentual) e -0,47% de bens de consumo (-0,17 ponto percentual). No último caso, este resultado foi influenciado em 0,31 ponto percentual pelos produtos de bens de consumo duráveis e -0,48 ponto percentual, pelos bens de consumo semiduráveis e não duráveis

No acumulado em 12 meses, a variação de preços da indústria registrou, em setembro, as seguintes variações: bens de capital, 2,61% (0,22 ponto percentual); bens intermediários, 3,11% (1,73 ponto percentual); e bens de consumo, 2,03% (0,72 ponto percentual), sendo que a influência de bens de consumo duráveis foi de 0,41 ponto percentual e a de bens de consumo semiduráveis e não duráveis de 0,32 ponto percentual.

Variação do Índice de Preços ao Produtor (IPP) nos últimos 14 Meses

Os valores abaixo estão descritos em pontos, derivado da variação nos preços dos produtos avaliados em cada uma das grandes categorias econômicas abaixo desde o início da série histórica do indicador, em dezembro de 2013, quando foi atribuído o valor de 100 (cem) pontos para o preço de cada um dos componentes do indicador.

Grandes Categorias Econômicas set/17 ago/17 jul/17 jun/17 mai/17 abr/17 mar/17
Indústria Geral 114.18 112.49 112.16 113.30 113.53 113.41 113.53
   Bens de Capital (BK) 119.31 119.65 119.97 120.73 119.58 118.76 118.64
   Bens Intermediários (BI) 109.89 107.48 107.50 108.66 109.09 109.38 109.69
   Bens de Consumo (BC) 120.34 119.41 118.32 119.52 119.75 119.08 118.94
      Bens Duráveis (BCD) 122.53 121.95 121.86 121.62 121.65 119.78 119.28
      Bens Semiduráveis e Não Duráveis (BCND) 119.67 118.62 117.23 118.87 119.16 118.87 118.84
Grandes Categorias Econômicas fev/17 jan/17 dez/16 nov/16 out/16 set/16 Aug-16
Indústria Geral 113.46 113.97 113.63 112.18 111.29 111.20 110.67
   Bens de Capital (BK) 117.71 118.03 118.25 118.19 116.41 116.27 115.20
   Bens Intermediários (BI) 109.39 109.80 108.77 106.72 106.05 106.58 105.92
   Bens de Consumo (BC) 119.47 120.20 120.90 120.18 119.13 117.95 117.78
      Bens Duráveis (BCD) 118.83 118.84 118.03 117.35 116.92 116.80 116.98
      Bens Semiduráveis e Não Duráveis (BCND) 119.67 120.62 121.79 121.05 119.81 118.30 118.03

Deixe um comentário