Confira todas as carteiras recomendadas para o mês de outubro

LinkedIn

Está no ar o especial com todas as carteiras recomendadas para o mês de outubro.
Aqui está um compilado de todas as carteiras recomendadas disponíveis. Ao todo, registramos 19 carteiras entre corretoras e casa de análises. Á medida que recebemos novos relatórios, a matéria atualizará.

Referências:

Em setembro, o índice Ibovespa registrou baixa de -4,80%, sendo o pior mês desde março.
O Índice de dividendos (IDIV) obteve queda de -4,62%.
O índice de Small Caps (SMLL) caiu -5,43%.
O Índice de fundos imobiliários (IFIX) variou 0,46%.

Confira as carteiras de dividendos para o mês de outubro, segundo 11 corretoras

ÁGORA

Carteira Recomendada Mensal

A Ágora manteve a mesma carteira recomendada de setembro para outubro:

Empresas Peso
Cesp (CESP6) 10%
Eletrobras (ELET6) 10%
Itaú Unibanco (ITUB4) 10%
Suzano (SUZB3) 10%
Lojas Americanas (LAME4) 10%
B3 (B3SA3) 10%
Iguatemi (IGTA3) 10%
Petrobras (PETR4) 10%
Rumo (RAIL3) 10%
Vale (VALE3) 10%

Carteira Recomendada de Dividendos

A Ágora manteve a mesma carteira de dividendos de setembro para outubro.
A Ágora salientou que a expectativa de retorno médio via dividendos é de 5,9% para 2020.

Empresas Peso
 Itaú (ITUB4)  20%
Ecorodovias (ECOR3) 20%
Taesa (TAEE11) 20%
Tenda (TEND3) 20%
Vale (VALE3) 20%

Small Caps

Ações incluídas: Duratex (DTEX3)
Ações excluídas: Via Varejo (VVAR3)

Segundo o relatório: “A Duratex observou recentemente que o volume de painéis de madeira em junho foi 30% maior no comparativo anual, uma tendência positiva que acreditamos que deva continuar no segundo semestre”.

Empresa Peso
 Qualicorp (QUAL3) 20%
 Movida (MOVI3) 20%
Tupy (TUPY3) 20%
C&A (CEAB3) 20%
Duratex (DTEX3) 20%

Confira as carteiras de Small Caps para o mês de outubro, segundo 7 corretoras

ATIVA

Carteira Valor

A carteira recomendada mensal (Valor) da Ativa investimentos obteve rentabilidade de -0,95% em setembro.
Destaque positivo para Unidas (LCAM3) (16,19%).
Destaque negativo para Eletrobras (ELET3) (-14,02%).
Para Outubro, apenas Yduqs é mantida:

Ações incluídas: Usiminas (USIM5), Lojas Americanas (LAME4), Movida (MOVI3) e Carrefour (CRFB3)
Ações excluídas: TIM Participações (TIMP3), Unidas (LCAM3), Sabesp (SBSP3) e Eletrobras (ELET3)

Empresas Peso
Yduqs (YDUQ3) 20%
Usiminas (USIM5) 20%
Lojas Americanas (LAME4) 20%
Movida (MOVI3) 20%
Carrefour (CRFB3) 20%

Carteira ESG

A carteira ESG obteve desvalorização de -2,36% no mês anterior.
Destaques para Natura no campo positivo (4,01%) e Telefonica no campo negativo (-7,27%).
Para outubro, a Ativa mantém os mesmos papéis.
“(…) A Carteira ATIVA ESG é focada em rentabilidade de longo prazo, com a finalidade de superar o Ibovespa, mas sempre com responsabilidade social e ambiental.”

Empresas Peso
Engie (EGIE3) 20%
Movida (MOVI3) 20%
Itaú Unibanco (ITUB4) 20%
Telefônica (VIVT4) 20%
Natura (NTCO3) 20%

Carteira Recomendada de Dividendos

A carteira apresentou no mês passado uma variação de -4,67%.
As ações da BB Seguridade (-7,3%) e Tim (-7,3%) foram as ações com os piores desempenhos.
Cteep foi o única ação no campo positivo (1,6%). Para outubro:

Ações incluídas: AES Tiete (TIET11)
Ações excluídas: Tim (TIMP3)

Empresas Peso
Itaú Unibanco (ITUB4) 15%
Engie Brasil (EGIE3) 10%
BB Seguridade (BBSE3) 15%
AES Tietê (TIET11) 10%
CTEEP (TRPL4) 10%
Hypera (HYPE3) 10%
Taesa (TAEE11) 15%
Telefônica (VIVT4) 15%

BB INVESTIMENTOS

Carteira Fundamentalista

No mês anterior, a carteira fundamentalista teve baixa de -7,37%.
Destaque positivo para Vale (3,19%) e destaque negativo para B2W (-19,73%).
Confira a nova composição para outubro:

Ações incluídas: Cyrela (CYRE3), Randon(RAPT4), Santander (SANB11) e Yduqs (YDUQ3)
Ações excluídas: B2W (BTOW3), Centauro (CNTO3), Minerva  (BEEF3) e MRV (MRVE3)

Empresa Peso
Bradesco (BBDC4) 10%
Santander (SANB11) 10%
Cyrela (CYRE3) 10%
Randon (RAPT4) 10%
Unidas (LCAM3) 10%
Marfrig (MRFG3) 10%
Yduqs (YDUQ3) 10%
Taesa (TAEE11) 10%
Vale (VALE3) 10%
Via Varejo (VVAR3) 10%

Carteira 5+

A carteira 5+ da BB investimentos registrou declínio de 0,64% no mês que passou.
Destaque positivo para CSN (8,48%) e negativo para Totvs (-6,10%). Para outubro:

Ações incluídas: Duratex (DTEX3) e Natura (NTCO3)
Ações excluídas: Locaweb (LWSA3) e Totvs (TOTS3)

Empresas
CSN (CSNA3)
Duratex (DTEX3)
Magazine Luiza (MGLU3)
Natura (NTCO3)
WEG (WEGE3)

BTG PACTUAL

Carteira 10SIM

Em setembro, a Carteira Recomendada de Ações da BTG Pactual teve uma performance de -4,1%, com destaque positivo para Duratex (12,70%) e destaque negativo para Lojas Americanas (-12,02%). Para outubro:

Ações incluídas: Magazine Luiza (MGLU3) e Gerdau (GGBR4)
Ações excluídas: Lojas Americanas (LAME4) e JBS (JBSS3)

Empresas Peso
Petrobras (PETR4)  15%
Vale (VALE3) 10%
Magazine Luiza (MGLU3) 10%
Gerdau (GGBR4) 10%
B3 (B3SA3) 10%
TIM (TIMP3) 10%
CCR (CCRO3) 10%
Duratex (DTEX3) 10%
Cyrela (CYRE3) 10%
Oi S.A. (OIBR3) 5%

Small Caps

Ações incluídas: Movida (MOVI3) e Lojas Quero-Quero (LJQQ3)
Ações excluídas: Ecorodovias (ECOR3) e JSL (JSLG3)

Empresas Peso Preço-Alvo (R$)
Randon (RAPT4) 20% 15,00
Oi (OIBR3) 20% 2,00
Duratex (DTEX3) 20% 20,00
Movida (MOVI3) 20% 30,00
Lojas Quero-Quero (LJQQ3) 20% 17,00

Fundos Imobiliários

A carteira de Fundos Imobiliários da BTG Pactual variou 1,46% no mês. Destaques positivos para (BRCR11) (5,04%) e (XPLG11) (6,94%). Destaque negativo para (BTCR11) (-2,81%).

“Nossa carteira recomendada apresenta um dividend yield anualizado de 5,6% e um dividend yield para os próximos 12 meses de 6,0%, enquanto as cotas destes fundos sugeridos negociam na média com um leve prêmio para o valor patrimonial de 0,4%. Em termos de liquidez, a carteira possui um volume médio diário de negociação de aproximadamente R$ 3,9 milhões.

Ações incluídas: HSI (HSML11) e Kinea (KNCR11)
Ações excluídas: RBR Properties (RBRP11) e Tellus Properties (TEPP11)

Fundo Peso
XP Malls (XPML11) 5%
XP Log (XPLG11) 10%
BTG Pactual Logística (BTLG11) 10%
Kinea Recebíveis Imobiliários (KNRI11) 7,5%
HSI (HSML11)  5%
Kinea (KNCR11)  5%
Rio Bravo Corporativa (RCRB11) 5%
BTG Pactual Corporate Office Fund (BRCR11) 10%
RBR Rendimento High Grade (RBRR11) 7,5%
BTG Pactual Crédito Imobiliário (BTCR11) 7,5%
BTG Pactual Fundo de Fundos (BCFF11) 5%

CAPITAL RESEARCH

A carteira da Capital Research desvalorizou -2,1% no mês de setembro.
A casa de análise optou por não alterar o portfólio para outubro:

Empresas Preço-Alvo (R$) Peso
S&P 500 (IVVB11) 203,98 60%
Arezzo (ARZZ3) 54,34 4%
Bradesco (BBDC4) 19,41 4%
BTG Pactual (BPAC11) 72,85 4%
Cosan (CSAN3) 68,33 4%
CVC Brasil (CVCB3) 16,13 4%
Fleury (FLRY4) 26,48 4%
Magazine Luiza (MGLU3) 89,20 4%
SLC Agrícola (SLCE3) 25,49 4%
Unidas (LCAM3) 23,75 4%
Vale (VALE3) 59,11 4%

CM CAPITAL

No mês anterior, a carteira recomendada da CM Capital desvalorizou 2,60%.
No mês, a ação que mais contribuiu para a queda foi a da Marfrig (-2,46%), que sofreu uma realização de lucros após ter sido o papel que mais subiu dentro da carteira em agosto.
Já a ação que teve a melhor performance foi a da Azul (1,85%), em um movimento de recuperação, após seu preço ter sido fortemente impactado pelos efeitos do coronavírus.

Para outubro, foram mantidas as mesmas ações:

Empresa Peso
 Azul (AZUL4)  10%
 Bradesco (BBDC4) 15%
Simpar (SIMH3) 10%
Marfrig (MRFG3) 15%
Gerdau (GGBR4) 15%
Vale (VALE3) 15%
Sinqia (SQIA3) 10%
Natura (NTCO3) 10%

ELITE

No mês anterior, as recomendações da Elite Investimentos tiveram um recuo de -2,93%.  Destaque positivo: Unidas (+16,42%). Destaque negativo: Petrobras (-10,42%). Para outubro:

Ações incluídas: Itausa (ITSA4) e Natura (NTCO3)
Ações excluídas: Itaú Unibanco (ITUB4) e Petrobras (PETR4)

Empresas Peso Preço-Alvo (R$)
B3 (B3SA3) 10% 66,06
Banco do Brasil (BBAS3) 10% 45,44
Eztec (EZTC3) 10% 45,68
Itausa (ITSA4) 10% 12,26
Lojas Renner (LREN3) 10% 47,88
Magazine Luiza (MGLU3) 10% 86,32
Natura (NTCO3) 10% 48,82
Unidas (LCAM3) 10% 23,04
Vale (VALE3) 10% 75,89
WEG (WEGE3) 10% 55,53

Carteira Recomendada de Dividendos

Em setembro, a carteira alcançou uma performance negativa de -5,25%.
Destaque positivo: Transmissão Paulista (1,68%).
Destaque negativo : Banrisul (-9,07%).
Para outubro, a Elite não realizou alterações:

Empresas Peso Preço-Alvo (R$)
AES Tietê (TIET11) 10% 14,75
Bradesco (BBDC4) 10% 28,52
BB Seguridade (BBSE3) 10% 34,11
Banrisul (BRSR6) 10% 20,02
Engie (EGIE3) 10% 47,65
Itaúsa (ITSA4) 10% 12,26
Klabin (KLBN11) 10% 26,22
Transmissão Paulista (TRPL4) 10% 22,89
Taesa (TAEE11) 10% 30,04
Telefônica (VIVT4) 10% 61,20

Small Caps

No mês anterior, a carteira de Small Caps da Elite obteve desempenho negativo de -10,94%.
A corretora não realizou nenhuma alteração de um mês para o outro,

Empresas Peso
ABC Brasil (ABCB4) 10%
Bradespar (BRAP4) 10%
Csu Cardsyst (CARD3) 10%
Totvs (TOTS3) 10%
Eztec (EZTC3) 10%
PetroRio (PRIO3) 10%
Oi (OIBR3) 10%
Unidas (LCAM3) 10%
Imc S/A (MEAL3) 10%
Via Varejo (VVAR3) 10%

GENIAL

Carteira Recomendada Mensal

A carteira Ibovespa 10+ da Genial apresentou uma baixa de -5,51% no mês de setembro.
Para outubro, uma alteração:

Ações incluídas: 
Totvs (TOTS3)
Ações excluídas: Neoenergia (NEOE3)

Empresas  Peso
Aliansce Sonae (ALSO3)  10%
Banco BMG (BMGB4) 10%
Bradespar (BRAP4) 10%
Hapvida (HAPV3) 10%
Totvs (TOTS3) 10%
Dimed (Panvel) (PNVL3) 10%
Sinqia (SQIA3) 10%
Vulcabras (VULC3) 10%
Locaweb (LWSA3) 10%
Log Commercial (LOGG3) 10%

Small Caps

A carteira Small Caps 8+ da Genial apresentou uma baixa de -8,90% no mês de setembro.
Para outubro:

Ações incluídas: Taesa (TAEE11)
Ações excluídas: Trisul (TRIS3)

Empresas Peso
Minerva (BEEF3) 12,50%
Sanepar (SAPR11) 12,50%
BR Properties (BRPR3) 12,50%
Banco BMG (BMGB4) 12,50%
Taesa (TAEE11) 12,50%
Copasa (CSMG3) 12,50%
Enauta (ENAT3) 12,50%
Centauro (CNTO3) 12,50%

Micro Caps

A carteira Micro Caps 5+ da Genial apresentou uma baixa de -5,36% no mês de setembro. Para outubro:

Ações incluídas: Portobello (PTBL3) e Trisul (TRIS3)
Ações excluídas: Eucatex (EUCA4) e Fer Heringer (FHER3)

Empresas Peso
Terra Santa (TESA3) 20%
Ferbasa (FESA4) 20%
Eucatex (EUCA4) 20%
Tegma (TGMA3) 20%
Fer Heringer (FHER3) 20%

Carteira Recomendada de Dividendos

A carteira Dividendos 5+ da Genial apresentou uma baixa de -7,19%, no mês de setembro.
A nova composição para outubro:

Ações incluídas: Telefônica (VIVT4)
Ações excluídas: Eletrobras (ELET3)

Empresas Peso
Enauta (ENAT3) 20%
Telefônica (VIVT4) 20%
Santander (SANB11) 20%
BB Seguridade (BBSE3) 20%
Transmissão Paulista (TRPL4) 20%

Carteira Ibovespa 5+

A carteira Ibovespa 5+ da Genial apresentou uma queda de -6,48% no mês de setembro.
Não ocorreram alterações para este mês:

Empresas Peso
Bradespar (BRAP4) 20%
Centauro (CNTO3) 20%
Vivara (VIVA3) 20%
Locaweb (LWSA3) 20%
Rumo (RAIL3) 20%

GUIDE

Carteira Recomendada

No mês de setembro, o portfólio da Guide obteve rentabilidade de -7,2%.
Os destaques positivos na carteira no mês foi Vale (VALE3), dado o pagamento de dividendos da companhia no mês e expectativas positivas quanto ao minério de ferro.
Na ponta negativa, Rumo (RAIL3) foi o principal destaque de queda (-15,7%).
3 modificações para o mês de outubro:

Ações incluídas: JBS (JBSS3), Natura (NTCO3) e Weg (WEGE3)
Ações excluídas: Cyrela (CYRE3), Minerva (BEEF3) e Via Varejo (VVAR3)

Empresas Peso
Vale (VALE3) 10%
Locaweb (LWSA3) 10%
JBS (JBSS3) 10%
Hapvida (HAPV3) 10%
B3 (B3SA3) 10%
Equatorial (EQTL3) 10%
BTG Pactual (BPAC11) 10%
Natura (NTCO3) 10%
WEG (WEGE3) 10%
Rumo (RAIL3) 10%

Carteira Valor

Ações incluídas: Magazine Luiza (MGLU3), Natura (NTCO3), Vale (VALE3), e WEG (WEGE3)
Ações excluídas:
 BTG Pactual (BPAC11), Cogna (COGN3), Minerva (BEEF3) e Via Varejo (VVAR3)

Empresas Peso
CSN (CSNA3) 20%
Magazine Luiza (MGLU3) 20%
Natura (NTCO3) 20%
Vale (VALE3) 20%
WEG (WEGE3) 20%

Carteira Recomendada de Dividendos

No mês de setembro, a carteira obteve queda de -4,3%.
Na ponta positiva destaque para as ações da Vale (3,2%). Por outro lado, Minerva (-10,3%) e Tim (-8,8%), apresentaram os piores desempenhos da carteira.
Para outubro:

Ações incluídas: Taesa (TAEE11)
Ações excluídas:
Cyrela (CYRE3)

Empresa Peso Yield (2020E)
B3 (B3SA3)  15% 4,0%
Minerva (BEEF3) 10% 3,3%
TIM (TMP3) 10% 3,2%
Itaúsa (ITSA4) 10% 4,2%
Taesa (TAEE11) 10% 10,8%
Sanepar (SAPR11) 15% 6,5%
AES Tietê (TIET11) 15% 7,0%
Vale (VALE3) 15% 5,2%

Small Caps

A carteira Small Caps da Guide investimentos variou -9,7% no mês de setembro.
A CSN foi o destaque de alta (8,5%) e Simpar (SIMH3) o negativo (-19,7%). Para outubro:

Ações incluídas: Bradespar (BRAP4), Duratex (DTEX3) e Log (LOGG3)
Ações excluídas:
Banco Pan (BPAN4), Cogna (COGN3) e Sanepar (SAPR11)

Empresas Peso
Bradespar (BRAP4) 10%
Duratex (DTEX3) 10%
CSN (CSNA3) 10%
Simpar (SIMH3) 10%
Locaweb (LWSA3) 10%
Panvel (PNVL3) 10%
Log (LOGG3) 10%
Ômega (OMGE3) 10%
Marfrig (MRFG3) 10%
Via Varejo (VVAR3) 10%

Fundos Imobiliários

A carteira de Fundos Imobiliários da Guide registrou uma alta de 2,3% em setembro.
Para outubro:

Fundo Imobiliário
BTG Pactual Corp. Office (BRCR11)
BTG Pactual Log. (BTLG11)
CSHG Recebíveis Imob. (HGCR11)
CSHG Real Estate (HGRE11)
Ourinvest FoF (OUFF11)
Rio Bravo Créd. Imob. IV (RBIV11)
RBR Rend. High Grade (RBRR11)
TRX Real Estate (TRXF11)
Vinci Shopping Centers (VISC11)
XP Log (XPLG11)

MIRAE ASSET

Em setembro, as recomendações obterem variação de -3,3%. Para outubro:

Ações incluídas: Cosan (CSAN3), Iochpe-Maxion (MYPK3), Klabin (KLBN11) e Marfrig (MRFG3)
Ações excluídas: Banco Inter (BIDI11), JBS (JBSS3), MRV (MRVE3) e Petrobras (PETR4)

Empresas Peso
Gerdau (GGBR4) 10%
Romi (ROMI3) 10%
Cosan (CSAN3) 10%
Iochpe-Maxion (MYPK3) 10%
Magazine Luiza (MGLU3) 10%
Kablin (KLBN11) 10%
Marfrig (MRFG3) 10%
Randon (RAPT4) 10%
Vale (VALE3) 10%
Via Varejo (VVAR3) 10%

Carteira Recomendada de Dividendos

A carteira de dividendos da Mirae Asset teve perdas de 3,8% em setembro.
De um mês para o outro, a Mirae manteve a mesma composição.

Empresas Peso
BB Seguridade (BBSE3) 10%
Bradespar (BRAP4) 10%
CTEEP (TRPL4) 10%
Klabin (KLBN11) 10%
EDP (ENBR3) 10%
Engie (EGIE3) 10%
Fleury (FLRY3) 10%
Itaúsa (ITSA4) 10%
Porto Seguro (PSSA3) 10%
Taesa (TAEE11) 10%

Small Caps

A carteira Small Caps da Mirae desvalorizou 6,7% no mês de setembro. Para a nova composição de outubro:

Ações incluídas: Metalúrgica Gerdau (GOAU4)
Ações excluídas: MRV (MRVE3)

Empresas Peso
AES Tiete (TIET) 10%
Banco Inter (BIDI4) 10%
Bradespar (BRAP4) 10%
Magazine Luiza (MGLU3) 10%
EDP do Brasil (ENBR3) 10%
Fleury (FLRY3) 10%
Metalúrgica Gerdau (GOAU4) 10%
Taesa (TAEE11) 10%
Via Varejo (VVAR3) 10%
Marfrig (MRFG3) 10%

Fundos Imobiliários

Ações incluídas: Vinci Renda Imobiliária (VISC11)
Ações excluídas: Bresco Logística(BRCO11)

Fundo Imobiliário Peso Cota (R$)
BTG Pactual Fundo de Fundos (BCFF11) 20% 90,28
CSHG Logística (HGLG11) 20% 169,99
Vinci Renda Imobiliária (VISC11) 20% 109,65
BTG Pactual Logística (BTLG11) 20% 104,40
XP Malls (XPML11) 20% 104,98

MODALMAIS

Empresas Ganho Potencial Entrada
(R$)
Stop Loss
(R$)
Stop Gain
(R$)
Gerdau (GGBR4) 29,40% 22,01 19,98 28,48
WEG (WEGE3) 17,78% 66,21 62,38 77,98
Randon (RAPT4) 26,32% 12,65 11,58 15,98
Alpargatas (ALPA4) 21,44% 39,51 36,68 47,98
Bradespar (BRAP4) 21,21% 47,01 43,68 56,98

NECTON

A carteira mensal de análise gráfica da Necton desvalorizou -3,34% em setembro.
Destaque positivo: Localiza (17,67%). Destaque negativo: Via Varejo (-15,37%).
Para a composição de outubro, foram mantidas as ações da B3 e SLC:

Ações incluídas:
Banco Itau (ITUB4), Magazine Luiza (MGLU3), Natura (NTCO3), Bradespar (BRAP4), Weg (WEGE3), Fleury (FLRY3), Randon (RAPT4), Iochpe-Maxion (MYPK3)
Ações excluídas: Santander (SANB11), Ultrapar (UGPA3), Eztec (EZTC3), Arezzo (ARZZ3), Via Varejo (VVAR3), Localiza (RENT3), IHPardini (PARD3), Totvs (TOTS3)

Empresas Peso
Banco Itau (ITUB4) 10%
Magazine Luiza (MGLU3) 10%
B3 (B3SA3) 10%
Natura (NTCO3) 10%
SLC (SLCE3) 10%
Bradespar (BRAP4) 10%
WEG (WEGE3) 10%
Fleury (FLRY3) 10%
Randon (RAPT4) 10%
Iochpe-Maxion (MYPK3) 10%

Fundos Imobiliários

Em setembro, a carteira de Fundos Imobiliários da Necton variou -0,97%. Para outubro:

Empresas Preço
Mínimo (R$)
Preço
Máximo (R$)
Peso
%
Mauá Capital Recebíveis Imob. (MCCI11) 57,23 113,63 12,5
BTG Pactual Crédito Imobiliário (BTCR11) 58,71 102,47 12,5
RBR Alpha Fundo de Fundos (RBRF11) 55,78 130,58 12,5
Plural Recebíveis Imob. (PLCR11) 54,73 97,68 12,5
BC Fund (BRCR11) 72,02 118,66 12,5
JS Real Estate (JSRE11) 63,82 120,63 12,5
XP Malls (XPML11) 58,76 147,53 12,5
Vinci Logística (VILG11) 60,97 134,99 12,5

NOVA FUTURA

Carteira Recomendada Mensal

Ações incluídas: Engie Brasil (EGIE3)
Ações excluídas: Bradesco (BBDC4),

Empresas Peso
B3 (B3SA3) 12%
Engie Brasil (EGIE3) 10%
Cosan (CSAN3) 10%
Cyrela (CYRE3) 10%
Gerdau (GGBR4) 10%
Magazine Luiza (MGLU3) 8%
Petrobras (PETR4) 10%
Vale (VALE3) 12%
Via Varejo (VVAR3) 8%
WEG (WEGE3) 10%

Carteira Recomendada de Dividendos 

Empresas Peso
B3 (B3SA3) 20%
BB Seguridade (BBSE3) 20%
Gerdau (GGBR4) 20%
Telefônica Brasil (VIVT4) 20%
Transm. Paulista (TRPL4) 20%

PLANNER

A carteira recomendada mensal da Planner desvalorizou -5,21% em setembro.
Destaques negativos para Via Varejo (-15,37%), Trisul (-11,89%) e Direcional Engenharia (-9,19%)
Para outubro, 4 alterações:

Ações incluídas: Ecorodovias (ECOR3), Copasa (CSMG3), Telefonica (VIVT4) e Trisul (TRIS3)
Ações excluídas: Movida (MOVI3), Sanepar (SAPR11), Ultrapar (UGPA3) e Direcional (DIRR3)

Empresas
Trisul (TRIS3)
BR Properties (BRPR3)
Copasa (CSMG3)
Telefonica (VIVT4)
Via Varejo (VVAR3)
Itaú Unibanco (ITUB4)
C&A Modas (CEAB3)
Engie Brasil (EGIE3)
Ecorodovias (ECOR3)
Petrobras Distribuidora (BRDT3)

Carteira Recomendada de Dividendos

A carteira de dividendos da Socopa caiu -5,81% em setembro.
Para outubro, a Socopa manteve apenas os papéis da Direcional (DIRR3).

Ações incluídas: CCR (CCRO3), Hypera (HYPE3), Porto Seguro (PSSA3), Taesa (TAEE11)
Ações excluídas: Banco do Brasil (BBAS3), Copasa (CSMG3), Ferbasa (FESA4), Telefonica (VIVT4)

Empresas Preço Justo
(R$/ação)
Política de
Pagamento
CCR (CCRO3) 17,50 Anual
Direcional (DIRR3) 17,00 Anual
Hypera (HYPE3) 35,00 Anual
Porto Seguro (PSSA3) 65,00 Semestral
Taesa (TAEE11) 32,00 Semestral

 SAFRA

Em setembro, a carteira do Safra apresentou desempenho negativo de 8,93%. Para outubro:
Ações incluídas:
BB Seguridade (BBSE3)
Ações excluídas: Rumo (RAIL3)

Empresa Peso
Bradesco (BBDC4) 7%
Banco do Brasil (BBAS3) 9%
Santander (SANB11) 4%
B3 (B3SA3) 5%
Via Varejo (VVAR3) 7%
Petrobras (PETR4) 13%
Bradespar (BRAP4) 5%
Vale (VALE3) 3%
Gerdau (GGBR4) 5%
Iguatemi (IGTA3) 4%
Cesp (CESP6) 5%
Engie (EGIE3) 5%
Hapvida (HAPV3) 6%
Hermes Pardini (PARD3) 5%
BB Seguridade (BBSE3) 4%
Tegma (TGMA3) 3%
CCR (CCRO3) 6%
Tim (TIMP3) 4%

Carteira Recomendada de Dividendos

Em setembro, a carteira de dividendos do Safra caiu -3,48%.
Para outubro, a carteira segue a mesma do mês anterior, com estimativas ajustadas.

Empresa Peso Preço Alvo Potencial de
Valorização
Dividend Yield
2021
Vale (VALE3)  10%  R$ 74,40  25% 7%
Itaú Unibanco (ITUB4) 10% R$ 37,00 57% 4,5%
Bradesco (BBDC4) 10% R$ 35,00 69% 7%
BB Seguridade (BBSE3) 10% R$ 35,00 33% 7%
B3 (B3SA3) 10% R$ 69,00 17% 4,6%
Qualicorp (QUAL3) 10% R$ 31,30 0% 4,7%
Tim (TIMP3) 10% R$ 19,00 33% 4,6%
Taesa (TAEE11) 10% R$ 31,40 11% 7,2%
Cesp (CESP3) 10% R$ 32,30 7% 3,7%
Engie Brasil (EGIE3) 10% R$ 50,20 18% 8,5%

SOCOPA

A carteira recomendada da Socopa rendeu -3,22% no mês de setembro. Para outubro, a Socopa manteve a mesma recomendação:

Empresas Peso Preço-Alvo (R$)
Itaúsa (ITSA4) 10% 12,00
CPFL Energia (CPFE3) 10% 35,00
Raia Drogasil (RADL3) 10%
CCR (CCRO3) 10% 17,00
Hapvida (HAPV3) 10%
EDP Energias Brasil (ENBR3) 10% 22,00
Pão de Açúcar (PCAR3) 10% 86,00
Bradesco (BBDC4) 10% 28,00
Petrobras (PETR4) 10%
JBS (JBSS3) 10% 34,00

TERRA

A Terra obteve desvalorização de -6,62% na sua carteira recomendada mensal do mês anterior, com destaques positivos para Gerdau (8,96%) e Vale (2,89%).
Na ponta negativa, as ações de Via Varejo (-15,37%), Rumo (-15,66%) e Petrobras (-10,42%).
Para outubro, a corretora optou por manter os mesmos ativos.

Empresas Peso Preço Alvo (R$)
(12 meses)
B3 (B3SA3) 10% 69,00
Bradesco (BBDC4) 10% 28,00
Eztec (EZTC3) 10% 50,00
Gerdau (GGBR4) 10% 20,00
JBS (JBSS3) 10% 30,00
Petrobras (PETR4) 10% 28,00
Rumo (RAIL3) 10% 29,00
Telefônica (VIVT4) 10% 63,00
Vale (VALE3) 10% 70,00
Via Varejo (VVAR3) 10% 24,00

Carteira Recomendada de dividendos

A Terra obteve uma desvalorização de -3,75% na sua carteira de dividendos de setembro, com destaques para Bradespar (2,05%) na ponta positiva e Banco do Brasil (-9,03%), na ponta negativa.
A Terra optou pelos mesmos papéis da carteira para o mês de outubro.

Empresas Peso
Bradespar (BRAP4) 20%
B3 (B3SA3) 20%
Banco do Brasil (BBAS3) 20%
BR Distribuidora (BRDT3) 20%
Copasa (CSMG3) 20%

Small Caps

A Terra obteve desvalorização na sua carteira de Small Caps de 4,39% em setembro, com destaque positivo para a Duratex (12,70%). Na ponta negativa, as ações da Tegma (-19,47%) foram as que mais caíram.
Outubro:

Ações incluídas: Cogna (COGN3)
Ações excluídas: Movida (MOVI3)

Empresas Peso Preço-Alvo (R$)
(12 meses)
Alupar (ALUP11) 10% 29,00
Duratex (DTEX3) 10% 21,00
Fleury (FLRY3) 10% 31,00
Hermes Pardini (PARD3) 10% 31,00
Tegma (TGMA3) 10% 30,00
Minerva (MOVI3) 10% 16,00
Cogna (COGN3) 10% 8,50
Sanepar (SAPR11) 10% 39,00
SLC (SLCE3) 10% 29,00
Trisul (TRIS3) 10% 16,00

Fundos Imobiliários

Empresas Peso  Div. Yield
12 meses 
Kinea Rendimento Fdo Inv Imob. (KNCR11) 20% 5,37%
CSHG Real Estate Fdo Inv Imob, (HGRE11) 20% 5,71%
Fdo Inv Imob TG Ativo Real (TGAR11) 20% 8,93%
Fdo Inv Imob. – FII BTG Pactual Fundo de Fundos BCFF11 20% 6,41%
Fdo Inv Logística – CSHG Logística FII 20% 5,54%

TORO Investimentos

Empresas Peso Preço-Alvo (R$) Stop (R$)
Ambev (ABEV3) 20% 14,31 11,04
CSN (CSNA3) 20% 19,48 13,87
Duratex (DTEX3) 20% 20,51 15,83
Magazine Luiza (MGLU3) 20% 103,63 76,83
WEG (WEGE3) 20% 75,72 57,28

XP Investimentos

A carteira recomendada mensal da XP fechou negativa -3,9% no mês anterior. Outubro:

Ações incluídas: Marfrig (MRFG3) e Ômega (OMGE3)
Ações excluídas: Movida (MOVI3) e Iguatemi (IGTA3)

Empresa Preço Alvo
B3 (B3SA3) R$ 65,00
Banco do Brasil (BBAS3) R$ 43,00
Gerdau (GGBR4) R$ 22,50
Ômega (OMGE3) R$ 44,00
Locaweb (LWSA3) R$ 71,00
Lojas Americanas (LAME4) R$ 44,00
Marfrig (MRFG3) R$ 18,00
Vale (VALE3) R$ 85,00
Vivara (VIVA3) R$ 30,00
Via Varejo (VVAR3) R$ 28,00

Carteira Recomendada de dividendos

A XP Investimentos realizou apenas uma troca para outubro.
O portfólio apresentou uma desvalorização de -2,5% no mês anterior.

Ações incluídas: EDP (ENBR3)
Ações excluídas: Sanepar (SAPR11)

Empresa Preço Alvo Dividendo
estimado por ação
*Div. Yield
2020
AES Tiete (TIET11) R$ 17,00  R$ 1,45  9,9%
EDP (ENBR3) R$ 20,00 R$ 1,00 5,7%
Transmissão Paulista (TRPL4) R$ 23,00 R$ 1,49 6,8%
Taesa (TAEE11) R$ 30,00 R$ 1,82 6,5%
Cesp (CESP6) R$ 36,00 R$ 1,85 6,5%

Fundos Imobiliários

A carteira encerrou setembro com retorno de 0,44%. Para outubro, uma troca:

Ações incluídas: VBI Prime Offices (PVBI11)
Ações excluídas: RBR Alpha Fundo de Fundos (RBRF11)

Fundo Peso Dividend Yield
anualizado
VBI Prime Office (PVBI11) 5% 5,5%
RBR High Grade (RBRR11) 12,5% 6%
Capitânia Securities (CPTS11) 15% 9,3%
CSHG Recebíveis (HGCR11) 10% 5,6%
XP Log (XPLG11) 15% 5,4%
Vinci Logística (VILG11) 10% 5,5%
XP Malls (XPML11) 10% 2,1%
CSHG Real Estate (HGRE11) 12,5% 5,3%
CSHG Renda Urbana (HGRU11) 10% 6,4%

Por Fernanda Benatto 

Deixe um comentário