ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for tools Aumente o nível de sua negociação com nossas ferramentas poderosas e insights em tempo real, tudo em um só lugar.

3Tentos (TTEN3): lucro líquido de R$ 175,6 milhões no 4T23, queda de 21,6%

LinkedIn

A 3tentos viu seu lucro líquido diminuir 21,6% no quarto trimestre de 2023 em comparação ao mesmo período do ano anterior para R$ 175,6 milhões. A queda dos preços das commodities e também dos defensivos e fertilizantes acabou influenciando nos resultados da companhia.

A empresa registrou a melhor receita trimestral da sua história. Foram R$ 3,03 bilhões no quarto trimestre do ano passado, desempenho 40,5% superior. Ainda assim, o Ebitda da 3tentos no período recuou 26,9%, para R$ 215,4 milhões.

Junto com os resultados, a 3tentos informou que o Conselho de Administração aprovou a distribuição R$ 58,5 milhões em dividendos, ou seja, R$ 0,117 por ação. O pagamento ocorrerá em 5 de março para os titulares de ações no encerramento do pregão de 23 de fevereiro.

“O Ebitda é, de fato, um ponto de atenção. Ele reflete o cenário desafiador que a companhia enfrentou e enfrentou muito bem”, disse Luiz Osório Dumoncel, CEO da 3tentos.

O executivo lembrou que a companhia precisou diluir ao longo do ano os custos elevados dos estoques que a companhia carregava. Em 2022, o Rio Grande do Sul registrou uma quebra de 50% em sua produção de grãos. No ano passado, uma nova redução, dessa vez, na casa dos 40%.

Dois anos consecutivos de queda na produção do Estado que representa cerca de 80% da receita da companhia gerou uma redução na demanda, especialmente de defensivos. Os estoques ficaram elevados, com alto custo de carregamento.

“Agora, começamos 2024 com estoques adequados, 100% normalizados. Ajustamos a relação com as multinacionais e temos buscado fazer as compras e o hedge mais próximas do momento de uso”, disse Dumoncel.

Para o executivo, um dos segredos para sentir menos os efeitos do período conturbado dos últimos dois anos foi a diversificação dos negócios. A 3tentos encerrou 2023 tendo 28% da sua receita gerada a partir do segmento de insumos, 20% da unidade de grãos e 52% das suas indústrias.

E a tendência é que essa diversificação se intensifique nos próximos anos. Em meados de janeiro, a companhia anunciou investimentos de R$ 2 bilhões até 2030 para consolidar sua estratégia de mitigação de riscos.

Desse total, metade será destinada à construção de uma usina de etanol de milho em Porto Alegre do Norte, Mato Grosso, no eixo da BR-158. A unidade marcará a entrada da companhia no segmento, que está de olho no potencial da produção global de SAF (Sustainable Aviation Fuel).

A nova planta deverá começar a rodar em 2026, terá capacidade diária para processar 2,1 toneladas de milho e produzir 935 metros cúbicos de etanol, além de 587 toneladas de DDG (dry distillers grains).

Além disso, com o avanço dos negócios no Centro-Oeste e a necessidade de acessar os portos para a exportação dos grãos e farelo de soja, a 3tentos anunciou, no fim de 2023, uma joint venture com a Caramuru, para atuar em um terminal hidroviário em Miritituba, no Pará.

Os resultados da 3Tentos (BOV:TTEN3) referentes às suas operações do quarto trimestre de 2023 foram divulgados no dia 20/02/2024.

  • Três Tentos aprova pagamento de dividendos intercalares no valor total de R$ 58 milhões

O conselho de administração da Três Tentos Agroindustrial aprovou o pagamento de dividendos intercalares no valor total de R$ 58.523.568,55, correspondente a R$ 0,117655996 por ação.

Tem direito quem tiver ações até o fim do pregão em 23 de fevereiro.

* Com informações da ADVFN, RI das empresas, Valor, Infomoney, Estadão

Deixe um comentário