ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for smarter Negocie de forma mais inteligente, não mais difícil: Libere seu potencial com nosso conjunto de ferramentas e discussões ao vivo.

Marcopolo (POMO4): lucro líquido de R$ 272,4 milhões no 4T23, alta de 2,7%

LinkedIn

A Marcopolo registrou lucro líquido de R$ 272,4 milhões no quarto trimestre de 2023, uma alta de 2,7% ante o mesmo período do ano anterior. No período, a receita operacional líquida totalizou R$ 2,04 bilhões, valor 14,6% superior em relação ao intervalo de outubro a dezembro de 2022. Do total, R$ 1,15 bilhão foram provenientes do mercado interno, ou 56,5% do total, enquanto R$ 271,5 milhões de exportações, ou 13,2%, além de R$ 619,3 milhões das operações internacionais, ou 30,2% da receita.

Já o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 287,5 milhões no último trimestre do ano passado, uma elevação de 49,6% na base anual de comparação.

Segundo a companhia, tanto o lucro quanto o Ebitda foram afetados pelo melhor ambiente de mercado, com evolução do mix de vendas, devido ao acréscimo de volumes de produtos de maior valor agregado, especialmente no segmento rodoviário, bem como pela recuperação de resultados das operações controladas localizadas no exterior.

Em relação ao retorno sobre o capital investido, conhecido pela sigla ROIC, a Marcopolo teve avanço de 11,2 pontos porcentuais (pp) no quarto trimestre do ano passado na base anual, para 16,4%. Já o retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) ficou em 25,6% no período, uma alta de 10,6 pp ante o mesmo intervalo de 2022.

O resultado financeiro líquido do trimestre encerrado em dezembro ficou negativo em R$ 17,4 milhões, sendo que no mesmo período de 2022, ele havia ficado positivo em R$ 117 milhões. No relatório, a empresa explica que o resultado sofreu impacto negativo não recorrente, de R$ 49 milhões, oriundos da hiperinflação e desvalorização cambial do peso argentino em relação ao dólar nas dívidas intercompany contratadas em dólares.

No quarto trimestre de 2023, as atividades operacionais da Marcopolo geraram caixa de R$ 269,9 milhões, enquanto as atividades de investimentos, líquidas de dividendos e variação cambial consumiram R$ 37 milhões. As atividades de financiamento, por sua vez, consumiram R$ 104 milhões no período.

Ao final do trimestre, o endividamento financeiro líquido da empresa somava R$ 814,2 milhões. Do total, R$ 693 milhões eram provenientes do segmento financeiro (Banco Moneo) e R$ 121,2 milhões do segmento industrial.

Os resultados da Marcopolo (BOV:POMO3) e (BOV:POMO4) referentes às suas operações do quarto trimestre de 2023 foram divulgados no dia 27/02/2024.

* Com informações da ADVFN, RI das empresas, Valor, Infomoney, Estadão

Deixe um comentário