Bolsas abrem em baixa no último pregão de 2015

LinkedIn

As principais bolsas de valores mundiais abrem em leve baixa nesta quarta-feira, último dia de negociações na bolsa de valores de São Paulo (confira na seção Mercados – Abertura e Fechamento mais abaixo). O futuro do índice Ibovespa (BMF:INDG16) acompanha e também abre em leve baixa. A maioria dos analistas espera por baixo volume de operações, com investidores apenas administrando posições antes do fechamento para as comemorações de final de ano. A BM&FBOVESPA fecha amanhã, véspera de ano novo, e volta a abrir na próxima semana, 04 de janeiro.

Outras notícias importantes do dia

• O índice de bilionários da Bloomberg mostra que os 400 mais ricos do mundo viram suas fortunas cair coletivamente US$ 19 bilhões em 2015. Para os analistas, o motivo seria a queda nos preços das commodities e desaceleração econômica na China.

• A Prefeitura de São Paulo lançou consulta pública para a regulação de novos modelos de transporte urbano, como o Uber. A companhia avaliou a medida como inovadora.

• Hoje ocorrerá na BM&FBOVESPA um leilão para venda de 750 mil ações da Vanguarda Agro (BOV:VAGR3).

• A presidente Dilma Rousseff fixou o salário mínimo para 2016 em R$ 880, alta de 11,67% e acima dos R$ 871 estimados no Orçamento.

• Depois de muitas manifestações contrárias, a Prefeitura de Florianópolis voltou atrás e não dará exclusividade às marcas da cervejaria Kirin (TSE:2503) (Schin, Devassa, Eisenbahn) nas praias da cidade.

• As controladas da Eletrobras (BOV:ELET6) solicitaram a prorrogação do prazo para assinatura do termo aditivo, nos termos da Medida Provisória 706, que estabelece que o concessionário deverá assinar o termo aditivo no prazo de até 210 dias, contados da convocação pelo Poder Concedente.

• O Banco Central projeta que a dívida pública bruta do Brasil atingirá 70,7% PIB em 2016, considerando a meta de superavit primário de 0,5%.

• As ações da Diagnósticos da América (BOV:DASA3) registraram alta de 31,7% ontem após o controlador da companhia manifestar interesse em adquirir o restante dos papéis da companhia em circulação no mercado ao preço de R$ 10,50. As ações da companhia fecharam o dia cotadas à R$ 10,06.

Esta notícia foi extraída do Bom Dia ADVFN, newsletter diária divulgada pela ADVFN Brasil, em 30-12-2015. Acesse a versão completa do Bom dia ADVFN por este link: Clique aqui.

Deixe um comentário