Petróleo amanhece em forte queda com o fim de sanções ao Irã

LinkedIn

O barril de petróleo Petróleo (Brent) (NYMEX:BZ), referência da Petrobras (BOV:PETR4) em seus planos de negócios amanhece em forte queda, cotado a US$ 27 o barril, após os EUA e a União Europeia suspenderem as sanções ao Irã neste final de semana com o cumprimento das exigências do acordo nuclear assinado com o país no ano passado.

Outras notícias importantes do dia

• Relatório Focus do Banco Central: previsão de queda de 2,99% no PIB em 2016, estável em relação à semana passada, com inflação de 7% ao final do ano.

• Estudo mais recente da organização britânica Oxfam mostra que o grupo do 1% mais rico do mundo possui fortuna maior do que o acumulado pelos 99% restantes da população mundial.

• O banco central da Venezuela informou que a inflação no país registrou alta de 141% até setembro de 2015. O governo do país decretou estado de emergência econômica pelos próximos 60 dias. A Venezuela é muito dependente da exportação de petróleo e a recente queda no preço da commodity no mercado internacional minou as finanças do governo socialista de Nicolas Maduro.

• A Ambev (BOV:ABEV3) aprovou o pagamento de R$ 0,13 por ação em JSCP (Juros Sobre Capital Próprio).

• A produção de petróleo da Petrobras (BOV:PETR4) no Brasil superou a meta pela primeira vez nos últimos 13 anos. A marca de 2,128 milhões de barris por dia atingida no período representa alta de 4,6% no ano. A média anual da produção da camada pré-sal em 2015 também foi a maior da história da companhia, atingindo uma média de 767 mil barris por dia, superando a produção de 2014 em 56%.

• A Petrobras (BOV:PETR4) confirmou a fala da presidente Dilma Rousseff, mas um processo de capitalização da companhia através de aporte do Tesouro Nacional seria a última alternativa após a emissão de dívida e venda de ativos.

• A taxa de desemprego subiu para 9% no trimestre encerrado em outubro, maior valor histórico da série Pnad Contínua divulgada pelo IBGE.

Esta notícia foi extraída do Bom Dia ADVFN, newsletter diária divulgada pela ADVFN Brasil, em 18-01-2016. Acesse a versão completa do Bom dia ADVFN por este link: Clique aqui.

Deixe um comentário