Confira a lista dos itens que mais influenciaram a alta do IPC-M em Abril de 2017

LinkedIn

O Índice de Preços ao Consumidor – Mercado (IPC-M), que auxilia a medir o poder de compra do consumidor brasileiro, subiu 0,33% em abril de 2017, depois de avançar 0,38% no mês anterior. Dentre os itens que participam da composição do IPC-M, o que mais contribuiu para a valorização do indicador no quarto mês do ano foi o tomate, cujo preço médio subiu 55,45% no mês. No mês anterior, o mesmo item tinha registrado alta 3,34% em seus preços.

O IPC mede a inflação no setor varejista. Elaborado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), a versão Mercado (IPC-M) do indicador foi elaborada entre os dias 21 de março de 2017 de 20 de abril de 2017. Clique aqui e saiba mais sobre o desempenho do IPC-M em abril de 2017.

Variação Mês Anterior (%) Variação Mês Atual (%)
Tomate 3,34 55,45
Plano e seguro de saúde 1,00 0,99
Refeições em bares e restaurantes 0,44 0,51
Batata-inglesa 6,37 18,81
Gás de bujão 0,13 3,16

Na outra ponta da pesquisa, o item que mais contribuiu para amenizar a variação mensal positiva do indicador foi o preço da tarifa de eletricidade residencial, que caiu 1,73% no mês, após ter apresentado alta de 4,14% no mês anterior.

Variação Mês Anterior (%) Variação Mês Atual (%)
Tarifa de eletricidade residencial 4,14 -1,73
Gasolina -0,81 -1,75
Etanol -1,54 -4,11
Maçã -8,08 -10,32
Show musical 1,72 -1,80

Deixe um comentário

Seu Histórico Recente
BOV
VALE5
Vale PNA
BOV
IBOV
iBovespa
BOV
PETR4
Petrobras
BOV
IGBR3
IGB SA
FX
USDBRL
Dólar EUA ..
Ações já vistas aparecerão nesta caixa, facilitando a volta para cotações pesquisadas anteriormente.

Registre-se agora para criar sua própria lista de ações customizada.

Faça o login em ADVFN
Registrar agora

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

Support: (11) 4950 5808 | suporte@advfn.com.br

V: D: 20230606 19:24:40