Propina: Braskem nega pagamentos ilícitos no México

LinkedIn

Em comunicado enviado ao mercado, a Braskem (BOV:BRKM5) esclareceu que no acordo firmado pela companhia com o departamento de justiça e comissão de valores mobiliários dos EUA não contém relato ou admissão de prática de qualquer ato ilícito relacionado à sua atividade no México, inclusive ao contrato de fornecimento de etanol naquele país. A Braskem contraria a notícia do jornal Valor Econômico de que a companhia e sua controladora, a Odebrecht, teriam pago propina no México.

Outras notícias importantes do dia:

• Relatório Focus do Banco Central: PIB deve registrar expansão de 0,41% em 2017, com inflação de 4,09% ao final do ano. A Selic deve encerrar 2017 com taxa de 8,5% ao ano.

• A CVM revogou a suspensão da oferta pública inicial da companhia aérea Azul. As ações da companhia estrearão nesta terça-feira, dia 11 de abril, na Bovespa.

• O jornal Valor Econômico reporta que a CSN conseguiu na Justiça uma liminar para não pagar, por meio da tarifa de energia, indenizações bilionárias das transmissoras de energia referentes a ativos antigos ainda não amortizados.

• A Lojas Americanas aprovou a 11a. emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, no valor total de R$ 1 bilhão.

• A agências da CEF (Caixa Econômica Federal) abrirão duas horas mais cedo entre hoje e quarta-feira para atendimento especial aos saques de contas inativas do FGTS dos trabalhadores que nasceram entre março e maio.

• O banco Santander aprovou o pagamento de um quarto dividendo complementar sobre os lucros auferidos no exercício de 2016, um valor bruto de 0,055 de Euros por ação.

• A BRF recebeu autorização para reativar sua unidade de Mineiros (GO) que se encontrava fechada desde a Operação Carne Fraca da Polícia Federal.

Esta notícia foi extraída do Bom Dia ADVFN, newsletter diária divulgada pela ADVFN Brasil, em 10-04-2017. Para receber esta newsletter gratuitamente todas as manhãs em seu email automaticamente, marque a opção “Boletim Noticiário Brasileiro” neste link: Relatórios Financeiros Gratuitos ADVFN

Deixe um comentário