Cambiar expande operações para firmar posto de maior buscador de câmbio

Google+ LinkedIn

O site de câmbio CAMBIAR foi pioneiro no segmento de fintechs no mercado financeiro e cambial brasileiro, tendo sido o primeiro do Brasil e da América Latina a adaptar os formatos dos buscadores de turismo tradicionais para o mercado de câmbio.

Através do site, o usuário consegue verificar a melhor cotação de câmbio dos maiores grupos econômico financeiros que atuam com câmbio no Brasil em tempo real, milésimo de segundo a milésimo de segundo. Para isso, basta selecionar a quantidade da moeda, a modalidade (moeda espécie, cartão pré pago e remessa internacional), e a localidade onde se encontra o usuário (estado e município). O sistema do site computa a informação das instituições financeiras parceiras (o site não trabalha com casas de câmbio que não sejam da própria instituição financeira), o usuário verifica o melhor preço de acordo com as condições de entrega ou retirada da moeda, com spread cambial diferenciado por região, e realiza a compra, alteração ou cancelamento, tudo 100% online.

Segundo Leonardo Abrão Filho, diretor de câmbio da Corretora Abrão Filho e fundador e CEO do Buscador de Câmbio “além do site computar a capacidade financeira dos clientes por instituição financeira, estamos agregando mais um filtro para que os usuários refinem a busca da maneira que melhor lhes atender”.

O Maior Buscador de Câmbio do Brasil

O Cambiar afirma possuir a melhor cotação do mercado de câmbio turismo e também para remessas e pagamentos internacionais 24 Horas por dia, 7 dias por semana, devido ao volume de clientes e operações e ao amplo relacionamento da empresa gestora “Abrão Filho Câmbio e Capitais” com as instituições financeiras parceiras.

Publi11.05

Um outro ponto observado no buscador de câmbio é que o mesmo intermedia todo o processo, e o comprador da moeda estrangeira efetua o pagamento diretamente para a instituição financeira, e a mesma, entrega a moeda com seguro via portador ou sedex.

O Cambiar atua apenas com instituições financeiras autorizadas a operar no mercado de câmbio brasileiro e fiscalizadas pelo Banco Central do Brasil, o que traz transparência e segurança para a operação, bem como uma taxa de câmbio mais barata, haja vista a cotação vir direto de corretoras de câmbio, distribuidoras de títulos e valores mobiliários, no caso da compra de moeda em espécie e cartões pré pagos. No caso de remessas e pagamentos internacionais, o spread do câmbio vem direto de bancos de câmbio ou bancos múltiplos com carteira de câmbio.

Melhor Cotação apenas para comprar Dólar, Euro e Libra Esterlina?

Segundo o departamento operacional do buscador de câmbio, algumas empresas e sites trabalham com uma cotação barata para dólar americano, euro e libra esterlina, alavancando o spread cambial de moedas exóticas No caso do Cambiar todas as moedas são tratadas de maneira que o cliente perceba a diferença de cotação da taxa do câmbio turismo através do site.

Percebe-se por exemplo o spread justo para a compra de peso chileno, ou ainda para .o peso colombiano e peso mexicano. Para Leonardo Abrão “ as moedas exóticas como os pesos da América Latina e do México tem um tratamento atento, haja visto a grande demanda de viagens de brasileiros nestes locais do final de 2014 para 2017”

Marcus Vinicius, sócio administrador da Abrão Filho menciona ainda como a cotação barata do dólar canadense, dólar australiano e dólar neozelandês agrega valor para o Cambiar: “A compra dessas moedas apresenta uma tendência de alta, principalmente por causa do público que faz intercâmbio, mas ainda mais quando vemos grandes sites de reservas de passagens aéreas e hotéis trabalhando com promoções exponenciais para esses destinos”.

O Cambiar.com.br lançou em Abril seus aplicativos para android e apple, e as inovações continuam: o buscador é o primeiro a trabalhar no formato com remessas internacionais. Segundo Leonardo Abrão “Não existe na América Latina um buscador de instituições financeiras para enviar dinheiro ao exterior com a realidade de efetivar o cadastro e o fechamento do câmbio 100% online, as despesas de ordem de pagamento (SWIFT) e taxa de câmbio para remessa (spread) diferentes de instituição para instituição. Dessa forma, conseguimos oferecer a melhor cotação para o usuário final, e ajudamos a alavancar as operações do bancos de middle marketing”.

Expansão internacional em 2018

O site acaba de captar um investimento anjo na ordem de meio milhão de reais, que será aportado durante 12 meses corridos a partir de maio deste ano, os recursos serão usados para implementar o sistema e exposição da marca no mercado. “O Cambiar deixa de ser um spin off da Abrão Filho Câmbio e Capitais e passa a ter vida própria” completa Leonardo.

01-psd

Começando pela esquerda: Leonardo Abrão Filho, Chairman da Abrão Filho Câmbio e Capitais, e fundador/CEO do Cambiar.com.br, ao centro Eduardo Domingues, sócio gerente responsável pela operações cambiais do grupo, e Marcus Vinicius, sócio administrador a encargo da governança do Grupo.

O time é cauteloso ao falar sobre a expansão das atividades, mas a expectativa é que após as reformas propostas pelo atual governo, com a inflação sobre controle e a taxa básica de juros da economia estar apontando para 8,5%, cenário no Brasil pode se tornar muito favorável para a expansão interna do Cambiar. Além disso, a empresa tem objetivos maiores a nível internacional. Para isso, o domínio e a marca Cambiar, que em espanhol significa o “ato de trocar moeda” foram patenteados pensando na América Latina, Caribenha, México e EUA.

Sobre a Abrão Filho
O site Cambiar.com.br é administrado e mantido pela Abrão Filho Câmbio e Capitais Internacionais, empresa renomada no mercado cambial brasileiro, credenciada no Banco Central do Brasil por quatro financeiras, além de possuir contrato de agenciamento de clientes com seis bancos. A família Abrão possui muita tradição no mercado cambial. Carlo Roberto Abrão atua no mercado de câmbio desde 1969, isto faz com que tenhamos um amplo relacionamento no mercado e um know how muito especializado

Coluna destinada exclusivamente aos nossos parceiros da ADVFN Brasil. Aqui você encontra diversas matérias e artigos relacionados ao mercado financeiro brasileiro.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.