Temer será acusado de dois crimes na segunda denúncia

LinkedIn

O presidente Michel Temer (PMDB) será acusado de dois crimes na segunda denúncia da Procuradoria Geral da República contra o peemedebista, segundo o jornal Valor Econômico.

De acordo com a publicação, o chefe do Palácio do Planalto será denunciado por obstrução de justiça e organização criminosa, na peça que será encaminhada ao Supremo Tribunal Federal (STF), após o feriado da Independência. Ou seja, na última semana de Rodrigo Janot como chefe da PGR. No dia 18 de setembro, Raquel Dodge assumirá o cargo.

Nesta semana, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), admitiu a Temer a dificuldade de barrar a segunda denúncia. Apesar disso, o peemedebista disse ter “força necessária” para impedir a investigação.

Deixe um comentário